Vereador Nitinho defende ampliação de tercirização para outras unidades

Vereador Nitinho defende ampliação de tercirização para outras unidades
maio 15 08:09 2019 Imprimir Conteúdo

 

Em visita ao Nestor Piva, Presidente da Câmara de Vereadores, Nitinho Vitale,  defende ampliação da terceirização para outras unidades

Na tarde desta terça-feira, 14 de Maio, o Presidente da Câmara de Vereadores de Aracaju, vereador Josenito Vitale (Nitinho), visitou a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Nestor Piva [na Zona Norte da capital sergipana] para conhecer de perto o funcionamento da unidade de saúde após a decisão da Prefeitura de Aracaju, por meio da Secretaria de Saúde, de contratar por medida emergencial, feito por dispensa de licitação, o Centro Médico de Trabalhador para realizar os serviços de escala médica, administração e gerência do Nestor Piva.

Na ocasião, a medida tomada pelo município visou o retorno imediato dos atendimentos, tendo em vista que a população estava desassistida por um impasse entre médicos provocado pelas discussões sobre o novo vínculo de trabalho e orientação do Tribunal de Contas do Estado de Sergipe (TCE-SE).

Durante a visita, o parlamentar conversou com os servidores e usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) que aguardavam atendimento. De ambos, o representante do legislativo municipal ouviu a opinião de avanços nos atendimentos, melhorias no serviço de refrigeração, suporte estruturado na farmácia, funcionamento do Raio x, etc.

“Pude constatar uma transformação. Quando vim aqui outras vezes, era parado na porta da unidade por pessoas que reivindicava atendimento, hoje não teve nada disto, passei por todos os setores e não vi uma reclamação de ineficiência na prestação dos serviços por parte da população”, lembrou o vereador.

A unidade funciona com a presença de 04 clínicos gerais, sendo 03 enfermeiras de porta, 01 médica na ultrassonografia, 02 ortopedistas, e 01 cirurgião. Com isso, o Centro Médico do Trabalhador está funcionando do modo que exige o Conselho Regional de Medicina (CRM).

Na oportunidade, Nitinho lamentou que o Hospital de Médio Porte Fernando Franco (Zona Sul) não esteja funcionando com a escala completa, sobrecarregando a UPA Nestor Piva, fazendo com que o “corpo médico e diretivo” passe por uma verdadeira prova de fogo, e devido ao profícuo trabalho da gestão vem saindo-se muito bem.

Por isso, o parlamentar reconheceu que a terceirização está dando certo e que o modelo deve ser expandido. “Não tenho dúvidas que esse modelo vai servir e se estender para outras unidade de saúde”, defendeu.

Acompanhando o filho e a nora, vítima de acidente de trânsito, o funcionário público federal João Bosco aproveitou para parabenizar o excelente atendimento disponibilizado na UPA. “Sempre escutei através da imprensa que o atendimento nos hospitais públicos era ruim, porém não foi isto que encontrei aqui. Desde a hora que cheguei fui bem atendido e com muita educação por todos os profissionais”, confessou João Bosco.

Durante visita, Nitinho conheceu os consultórios clínicos, leito de observação, estabilização, ortopedia, entre outros setores.

Nos 4 meses que antecederam a terceirização, foram realizados 25.528 atendimentos. Já nos quatros meses de controle da UPA, através do Centro Médico do Trabalhador, já foram realizados os seguintes quantitativos de atendimentos:

Clínica Médica: 44.547 atendimentos;

Clínica Ortopédica: 7.257 atendimentos;

Atendimento Cirúrgico: 7.047 atendimentos;

Totalizando: 58.851 atendimentos.

Para a Gestora Administrativa, Jória Dias, a visita do presidente do parlamento municipal é de extrema importância para mostrar as ações da nova gestão. “Esta visita acaba legitimando as ações da empresa Centro Médico do Trabalhador e acabando com os boatos sobre os serviços prestados. A saúde vive em debate dentro da Câmara e nada melhor que o presidente venha conhecer de perto o atendimento prestado a população”, concluiu.

Fonte e foto assessoria

  Editoria: