Prefeiturável quer apoio na tora

Prefeiturável quer apoio na tora
fevereiro 12 08:47 2020 Imprimir Conteúdo

A delegada de Polícia Georlize Teles intimou os dois vereadores do DEM a apoiarem sua pré-candidatura a prefeita de Aracaju, sob pena de expulsão. Pra sorte dos demistas Vinícius Porto e Juvêncio Oliveira uma janela partidária se abrirá para eles trocarem de legenda antes que a policial-política lhes exiba o ameaçador cartão vermelho. A atitude de Georlize foi apenas mais uma demonstração do jogo bruto que será a campanha deste ano. Na semana passada, por exemplo, o PV abortou a pré-candidatura de Almeida Lima que, desde então, procura uma legenda para abrigar seu projeto eleitoral. O deputado estadual Gilmar Carvalho (PSC) é outra vítima da sanha ameaçadora dos partidos. Além de não apoiá-lo na disputa pela Prefeitura de Aracaju, o PSC não libera seu passe para outra sigla. E olha que a campanha eleitoral ainda nem começou. Imagine quando os palanques forem armados e que, além das ameaças dos próprios aliados, os prefeituraveis tenham que enfrentar os ataques ferinos dos adversários. Vai ser um Deus nos acuda. Misericórdia!

Braços cruzados

E os policiais civis vão cruzar os braços por 24 hora. A paralisação está marcada para a próxima quarta-feira e visa protestar contra o governo de Sergipe, que tem feito ouvidos de mercados às reivindicações da categoria. Enquanto estiverem parados, os agentes de Polícia vão doar sangue e promover manifestações em pontos distintos de Aracaju. Entre outros benefícios, os policiais cobram reestruturação da carreira, reposição inflacionária e auxílios alimentação e de saúde. Estão certíssimos!

Partido da Seca

Enquanto a seca maltrata os sergipanos, a classe política discute quais medidas paliativas são mais apropriadas para conquistar os votos dos flagelados. As campeãs são as cestas básicas e caminhões-pipa. Não interessa investir em soluções definitivas contra os efeitos da estiagem, pois sem depender da ajuda dos políticos, o sertanejo se rebela contra o cabresto eleitoral, usado para garantir a eleição dos ‘coronéis’ do asfalto, todos filiados a esse rico e desumano Partido da Seca. Danôsse!

Cadê o dinheiro?

Dos 75 municípios sergipanos, apenas 14 reajustaram o piso salarial dos professores. A correção estabelecida para este ano foi de 12,84% o que majora o salário inicial da categoria de R$ 2.557,74 para R$ 2.886,24. Os prefeitos alegam falta de recursos para reajustar o piso, mas a maioria deles ganha salários acima de R$ 20 mil e ainda acha pouco pelo que dizem fazer em benefício da população. Crendeuspai!

Otimista exagerado

O presidente do PT sergipano, deputado federal João Daniel, é um otimista exagerado. Quer um exemplo? Ontem, ao falar na Câmara sobre os 40 anos do Partido dos Trabalhadores, o homem disse que o ex-presidente Lula da Silva (PT) “voltará, se Deus permitir e com a ajuda deste povo, a ser nosso líder no Palácio do Planalto, pois este país não aceitará as milícias governando”. Resta saber se Deus vai se meter com política. Aff Maria!

Dica aos eleitores

Uma dica para quem deseja falar com um deputado federal ou senador e não consegue ser recebido por eles. Basta “bater ponto” no Aeroporto de Aracaju, na manhã de terça-feira. Neste dia, quase toda a bancada toma o mesmo avião com destino à Brasília. Mas atenção: muitos parlamentares chegam ao aeroporto quase no momento do avião decolar, justamente para não serem importunados pelos eleitores pidões. Homem, vôte!

Prefeito ecumênico

São das melhores as relações de Padre Inaldo Luis (Progressistas) com os pastores evangélicos. Prefeito de Socorro, o gestor vive sendo paparicado pelos crentes. Outro dia, eles homenagearam o vigário com o Diploma Patrono Reverendo Jonan Joaquim da Cruz. Foi em retribuição porque o padre isentou as igrejas de pagaram IPTU e TLF dos imóveis alugados por elas. Além de professar a igualdade religiosa, o prefeito está de olho nos votos dos crentes, que são mais de 40% dos eleitores socorrenses. Vixe!

Bom de volante

O deputado federal Bosco Costa (PR) é o coordenador para o Nordeste da Frente Parlamentar Mista do Caminhoneiro Autônomo e Celetista. Para quem não sabe, o parlamentar é caminhoneiro por profissão: “A minha habilitação tem 50 anos e meu primeiro emprego foi dirigindo um caminhão”, diz Bosco. Filho de Itabaiana, considerada a capital brasileira dos caminhoneiros, o deputado tem alertado o governo Bolsonaro que os caminhoneiros autônomos não suportarão por muito tempo o baixo preço do frete e o elevado valor do óleo diesel. Santo Cristo!

Trânsito maluco

Por que será que a SMTT de Aracaju não desenvolve uma campanha para educar motoristas e pedestres? Há quem diga, mas é maldade, que o órgão regulador do trânsito da capital não investe em educação para faturar mais com as multas. A SMTT poderia usar parte da fortuna gerada pelas infrações dos motoristas, em campanhas educativas. Ficaria com menos dinheiro em caixa, mas contribuiria para reduzir os acidentes, muitos deles fatais. Marminino!

Carinho dos aliados

Os sergipanos costumam chamar o governador Belivaldo Chagas (PSD) de “Galeguinho”. Aliados mais próximos do pessedista, contudo, preferem outro apelido: “Belivas”. Entre estes está a vice-governadora Eliane Aquino (PT). Em recente postagem nas redes sociais, a petista escreveu: “Belivas, um novo caminho está posto diante de nós e eu me orgulho muito de trilhá-lo com você”. Então, tá!

Recorte de jornal

Publicado no jornal aracajuano A República, em 11 de agosto de 1932.

  Editoria: