Prefeitura disponibiliza nova pesquisa comparativa de preços dos combustíveis em Aracaju

Prefeitura disponibiliza nova pesquisa comparativa de preços dos combustíveis em Aracaju
abril 24 14:30 2020 Imprimir Conteúdo

Em atenção à grande demanda dos consumidores aracajuanos, para esclarecimentos sobre os preços dos combustíveis, na capital, a  Prefeitura de Aracaju, através da Secretaria Municipal de Defesa Social e da Cidadania (Semdec), divulga nesta sexta-feira, 24, mais uma pesquisa comparativa de preços, realizada pelo Programa Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon Aracaju).

Foram visitados 42 estabelecimentos comerciais, nos quais foram observados os valores cobrados pelo diesel S-10, etanol, gasolina aditivada, gasolina comum e pelo gás natural veicular – o GNV.

De acordo com o coordenador do Procon Aracaju, Igor Lopes, a grande procura por informações ocorreu em virtude do anúncio da redução nas refinarias. Essa é a terceira pesquisa comparativa de preços dos combustíveis, neste ano. Outros dois levantamentos foram realizados no mês de janeiro e março.

Segundo Lopes, foi possível constatar que houve a redução de preços dos combustíveis nas bombas. “O menor valor registrado neste mês para gasolina comum foi de R$3,95, enquanto na pesquisa realizada em março, do mesmo ano, o menor valor registrado foi R$4,47”, destaca, ao ressaltar ainda que os levantamentos anteriores estão disponíveis para consulta no site do órgão.

Os dados podem servir como parâmetro para o monitoramento do mercado, assim como para que os consumidores possam verificar as eventuais abusividades e assim registrar a denúncia junto aos órgãos competentes.

“É importante destacar que o Procon não pode fixar preço mínimo ou máximo para nenhum tipo de produto, mas atua com base no Código de Defesa do Consumidor (CDC), coibindo as abusividades”, reforçou o coordenador do órgão municipal de proteção.

Os consumidores também devem ficar atentos à diferenciação de valores a partir da forma de pagamento, o que também está especificado na tabela disponibilizada pelo órgão.

As variações e os preços constatados referem-se ao dia em que foram realizados os levantamentos. Portanto, os dados coletados estão sujeitos à alteração, conforme a data da compra, inclusive, por ocasião de descontos especiais, ofertas e promoções. É preciso considerar, inclusive, que os postos de uma mesma rede podem praticar preços diferenciados.  
Confira a tabela completa.

Pandemia
O Procon Aracaju aproveita para esclarecer que todas as demandas relacionadas ao coronavírus estão sendo tratadas de maneira prioritária conforme determinações do decreto  municipal, em apoio à Vigilância Sanitária. “Reforçamos aos consumidores que, se puderem, fiquem em casa”, alerta Igor Lopes.
Canais de Atendimento

Para esclarecer dúvidas ou registrar denúncias o Procon Aracaju poder acionado através do SAC 151, que funciona em dias úteis, de segunda a sexta-feira, a partir das 8h. As denúncias também podem ser encaminhadas para o e-mail procon@aracaju.se.gov.br.

Todas pesquisas e informações pertinentes ao órgão estão disponíveis no site procon.aracaju.se.gov.br.

  Editoria: