Maio Amarelo: SES orienta a população aos acidentes causados no trânsito

Maio Amarelo: SES orienta a população aos acidentes causados no trânsito
maio 22 12:29 2020 Imprimir Conteúdo

O Maio Amarelo é o mês decretado pela Organização das Nações Unidas (ONU) para conscientizar a população em relação ao grande número de incidentes causados no trânsito. Esta campanha acontece desde 2011 e tem como objetivo, além de chamar a atenção, orientar os motoristas aos cuidados e as regras que devem ser seguidas no trânsito, com a finalidade de diminuir e evitar o alto índice de incidentes e mortalidades.

A campanha deste ano tem como tema ‘Perceba o risco, proteja a vida’. A mensagem enfatiza o cuidado e responsabilidade que o motorista deve ter tanto com a sua vida como com a do outro. No atual momento de pandemia, onde, apesar de existir o isolamento social, ainda há a circulação de veículos, principalmente de ambulâncias e motolâncias com grande frequência. Para evitar incidentes, o gerente do Núcleo de Educação Permanente do Serviço da SES, Ronei Barbosa, destaca as medidas que devem ser adotadas como meio de proteção no trânsito.

“É importante que a população entenda que apesar do novo Coronavírus (Covid19) estar assolando a população mundialmente, os incidentes de trânsito continuam acontecendo, por isso, os cuidados precisam ser mantidos. Os motoristas precisam continuar com toda atenção, seguir as regras de trânsito, respeitar o limite de velocidade, não associar bebida alcoólica a direção, não utilizar o celular enquanto estiver dirigindo, utilizar os dispositivos de segurança, como a cadeirinha e o cinto. Neste momento de pandemia, friso a importância de dar passagem às ambulâncias, além de atentar-se ao novo acessório de segurança pessoal contra a disseminação do coronavírus, a utilização das máscaras” ressalta Ronei Barbosa.

Durante o atual período de pandemia, fazendo uma comparação com o mesmo período no ano de 2019, houve um redução mais de 50% no número de mortes causadas por acidentes de trânsito. A partir de março e abril de 2019, quando não existia o isolamento social, a SES contabilizou 61 mortes. Já nesse mesmo período em 2020 até 26 de abril, considerando o isolamento social, 28 pessoas morreram no trânsito.

A referência técnica de Vigilância e Prevenção de Violência e Acidentes da SES, Karla Anacleto, explica a redução. “Em decorrência do período de isolamento social houve uma redução nas frotas de veículos consequentemente houve uma melhoria no fluxo do trânsito, permitindo que agentes de trânsito e demais parceiros da saúde pudessem se empenhar em outras atividades como: ações de conscientização, monitoramento do transporte público e fiscalizações”, disse Karla Anacleto.

Campanhas

A campanha realizada anualmente pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), em alusão ao Maio Amarelo, devido ao momento atual de isolamento social, precisou ser adequada. A SES realizará a campanha por meio das transmissões ao vivo e disseminação de conteúdo digital, visando alcançar o maior número de públicos e mobilizar a sociedade e órgãos competentes para essa causa. Além disso também estão sendo realizados informes epidemiológicos, com intuito de informar e sensibilizar a população acerca dos dados de mortes no trânsito.

Durante todo ano, a SES por meio do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), realiza o projeto ‘Amigo do Samu’. Este existe desde 2015, atuando através de blitz educativas, com a finalidade de manter um contato direto com os condutores e conscientiza-los em relação às leis de trânsito.

Informações e foto SES

  Editoria: