Futsal do Colégio Estadual Nelson Rezende é o campeão dos Jogos da Primavera

Futsal do Colégio Estadual Nelson Rezende é o campeão dos Jogos da Primavera
agosto 15 14:08 2019 Imprimir Conteúdo

Uma escola do pequeno povoado de São Mateus da Palestina, no município de Gararu, tem sido a maior referência no futsal feminino escolar, no Estado de Sergipe. As meninas do Colégio Estadual Nelson Rezende de Albuquerque (CENRA), vêm conquistando um título atrás do outro. Nessa modalidade, ninguém supera as meninas do professor Robson Andrade e da técnica Lúcia Gerônimo.

A última conquista do CE Nelson Rezende aconteceu na tarde da quarta-feira (14), na quadra do Colégio Dom Luciano. Foi o título de campeão dos 36º Jogos da Primavera, categoria B. As meninas de Gararu deram um banho nas eternas adversárias do Colégio Ofenísia Freire, vencendo por 8×2.  Os gols da partida foram assinalados Dany (3), Laize (1) e Kelly (4).

Com essa conquista histórica, o CE Nelson Rezende conquista o direito de representar o Estado de Sergipe nos Jogos Escolares da Juventude, que acontecem no período de 20 a 25 de setembro na cidade de Natal/RN. Este ano é a segunda grande conquista do CE Nelson Rezende. Recentemente, o CENRA sagrou-se campeão dos Jogos Escolares da TV Sergipe, ganhando o direito de representar o estado, nas seletivas nacionais das competições promovidas pela Confederação Brasileira de Desporto Escolar (CBDE). “Essas conquistas são fruto de um trabalho de três anos, com todas as dificuldades. Mas nada supera a vontade de vencer”, diz Robson Andrade, técnico do CENRA.

Foi uma campanha irrepreensível com uma goleada atrás da outra. Para chegar ao título de campeãs, as meninas do CE Nelson Rezende venceram cinco jogos, todos eles de goleada.  Na fase de classificação, aplicou 8×0 contra Barra dos Coqueiros. No segundo jogo, fez 20×0 contra Laranjeiras e encerrou a fase de classificação, fazendo 10×0, na equipe de Capela. Na fase semifinal, fez 12×2 contra Tobias Barreto. Na grande final, aplicou um 8×2, no Ofenísia Freire. A equipe assinalou 58 gols e a defesa recebeu apenas quatro gols. “Sabíamos que ia ser uma decisão muito difícil como foi. Mas sabia também que as meninas do Nelson Rezende tinham capacidade de, dentro da quadra, superar todas as dificuldades e chegar à vitória, como realmente aconteceu. As meninas do Ofenísia Freire se mostraram as adversárias difíceis de tantas outras decisões. Travamos dentro da quadra, um duelo de quem realmente está lutando pelo título. Felizmente, mais uma vez a vitória foi nossa”, avaliou o técnico Robson Andrade.

Ainda no auge da comemoração da conquista de mais um título, Robson Andrade fez uma avaliação do jogo e com o “olhar clínico” conta como o CE Nelson Rezende chegou a mais uma grande conquista.

“Nós partimos para uma estratégia, que seria pressionar o adversário no seu campo de defesa, desde o início.  Sabíamos que o Ofenísia é uma equipe técnica, que tem várias jogadoras de habilidade, que saem jogando. Então obtivemos êxito ao sair à frente, marcando um gol logo no início. Isso desestabilizou o adversário. Continuamos a pressionar”, conta Robson Andrade.

As atletas campeãs de futsal dos 36º. Jogos da Primavera são: Dany, Laize, Kelly, Samara, Rayslane, Lara, Bianca e Kaylane. Muitas dessas atletas fizeram parte da campanha de 2019, quando se sagraram campeãs da categoria A.

Além das atletas dentro da quadra, o CENRA conta com uma comissão técnica que trabalha e dá o suporte necessário, para os resultados aparecerem. Ela conta com os professores Robson Andrade e Lúcia Gerônimo como técnicos e os colaboradores, os homens da logística, Rivaldo Matos e Clézio Mota.

“Queremos esclarecer que tudo isso é possível graças ao trabalho da diretoria Elizabete Cristina Sousa, que nos permite e nos dá o maior apoio e alguns professores como Edvonaldo e Robson Sá. Nossa diretoria é diferenciada”, concluiu o técnico campeão.

Bronze – Além da medalha de ouro na categoria B, o CE Nelson Rezende mostra que o trabalho de base já está surtindo efeito. O CENRA foi o terceiro colocado no futsal categoria A. Na partida final, venceu o Colégio João Ribeiro, de Laranjeiras por 5×2. O Campeão da categoria A foi o IDFG, que venceu Colégio Ômega por 6×0.

Assessoria de Comunicação da SEDUC

  Editoria: