Diego Costa é condenado a seis meses de prisão, faz acordo e pagará multa

Diego Costa é condenado a seis meses de prisão, faz acordo e pagará multa
junho 04 14:05 2020 Imprimir Conteúdo

 

O jogador de futebol sergipano, natural de Lagarto e naturalizado espanhol, Diego Costa, atacante do Atlético de Madrid, foi condenado nesta quinta-feira a seis meses de prisão por se ter declarado culpado de um crime fiscal que lesaria o Fisco espanhol em 1,1 milhão de euros (R$ 6,32 milhões).

Diego foi denunciado por deixar de declarar 1,1 milhão de euros na época em que deixou o clube espanhol para assinar pelo Chelsea, em 2014. De acordo com o relatório do Ministério Público, encaminhado à Agência Tributária, o jogador não declarou à receita os rendimentos que o clube de Londres lhe pagou pela transferência de seus direitos de imagem, apesar de Diego ser um residente fiscal na Espanha naquele ano.

Na sentença anunciada nesta quinta-feira, Diego Costa se declarou culpado. Assim, os seis meses de prisão foram substituídos por uma multa de 36 mil euros (aproximadamente R$ 207 mil). O atacante já tinha pagado, em um acordo inicial, 1,1 milhões de euros ao Fisco espanhol pelo crime de fraude fiscal cometido em 2014, quando deixou o Atlético de Madrid para assinar com o Chelsea.

  Editoria: