Corpo técnico do TCE conhece novas práticas de auditoria na Educação

julho 04 06:26 2019 Imprimir Conteúdo

O Tribunal de Contas do Estado (TCE/SE) deu início nesta quarta-feira, 3, ao treinamento do seu corpo técnico com foco nas auditorias no âmbito educacional. A ação faz parte do “Workshop da educação – transformação, planejamento e desafios”, que no dia anterior ofertou palestras aos jurisdicionados.

A capacitação voltada aos servidores da Casa é conduzida por auditores de controle externo do Tribunal de Contas do Município do Rio de Janeiro (TCM/RJ), que têm apresentado as práticas de auditoria trabalhadas na Corte carioca. As aulas seguem até esta quinta-feira, 4.

“Vivemos um quadro muito difícil na nossa educação e esse evento busca criar um cenário para capacitação dos nossos técnicos que atuam na área. O programa do TCM é premiado e de qualidade, vamos absorver o que há de melhor nessa experiência”, disse a conselheira Susana Azevedo, que esteve no primeiro dia de atividades.

Também presente, o procurador-geral do Ministério Público de Contas, João Augusto Bandeira de Mello, enfatizou que a Educação é um tema que necessita da mobilização de todos. “A hipótese que levantamos é que falta gestão e estratégia; o TCE pode trabalhar esse assunto, devemos nos aprofundar na legislação em educação com esforço e trabalho diário árduo”, colocou Bandeira.

Já o coordenador da Escola de Contas, Ismar Viana, observou que o Workshop da Educação inaugurou “um modelo de evento que cumpre, a um só tempo, a dupla missão pedagógica dos Tribunais de Contas, capacitando gestores públicos e corpo técnico do próprio Tribunal”. Ismar enfatizou, ainda, que a grande adesão ao evento “revelou que temáticas relacionadas à educação atraem, de fato, a atenção da sociedade, possibilitando ao Tribunal usar do espaço para disseminar canais que são disponibilizados para a materialização do controle social”. O coordenador também agradeceu aos auditores de controle externo do TCM/RJ pela disponibilidade de vir a Sergipe compartilhar qualificado conhecimento.

Treinamento

O inspetor-geral da inspetoria de educação do TCM/RJ, Marcos Vinícius Pinto da Silva, e os auditores de controle externo do TCM/RJ, Ketza Cardoso e Ricardo Dinis Gonsalves são os responsáveis pelas explanações. Entre outros aspectos, eles têm apresentado o programa de visitas às escolas, premiado pela Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon).

As práticas de auditoria na educação do TCM/RJ são baseadas em visitas técnicas frequentes às escolas e, nas ocasiões, são acompanhadas de maneira detalhada a estrutura, segurança, limpeza, material, refeição, corpos discente e docente. As técnicas já são compartilhadas por tribunais do Pará, Tocantins, Goiás, Minas Gerais e São Paulo e o plano é que o TCE de Sergipe, observando suas particularidades, implemente um programa como esse no Estado e, para isto, a capacitação dos servidores é essencial.

“O programa de visitas é um sucesso no Rio de Janeiro, tanto que já existe há 15 anos e levamos a nossa experiência para outros Tribunais. A ideia da capacitação é que possamos ouvir as especificidades do estado de Sergipe e mostrarmos como é feito lá no Rio de Janeiro para que o programa também alcance êxito por aqui”, explicou Ketza Cardoso.

Por DICOM/TCE

  Editoria: