Ciosp utiliza videomonitoramento para identificar dispersão de pessoas e aglomerações

abril 05 06:33 2020 Imprimir Conteúdo

O recurso está sendo empregado em locais onde foram observadas intensa movimentação de pessoas, como Orla de Atalaia e 13 de Julho

O Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) segue monitorando locais como a Orla de Atalaia e calçadão da 13 de Julho para evitar aglomerações que colocam em risco a população sergipana nessa época de disseminação do Coronavírus. São 54 câmeras que permitem o rápido direcionamento de equipes da Polícia Militar para os locais exatos em que haja muitas pessoas aglomeradas.

As câmeras também possibilitam o videomonitoramento de estabelecimentos que, porventura, não estejam cumprindo a determinação de fechamento prevista pelo Decreto Governamental. Somando outros pontos da cidade, há mais de cem câmeras distribuídas em pontos estratégicos e que servem à segurança pública do cidadão diariamente tanto em situações normais, quanto nessa de combate à Covid-19.

O diretor do Ciosp, tenente-coronel Eduardo Brandão, explicou como é feito o processo de identificação de aglomeração e atendimento dessas ocorrência. “Quando nossos operadores verificam aglomerações, automaticamente são passadas informações para o comandante da PM e para a direção do Ciosp. Então, solicitamos que a viatura da área se desloque até o local para poder efetuar a saída das pessoas”, detalhou.
Informações e foto ASN

  Editoria: