André Luiz toma posso como secretário de Estado da Agricultura e Pesca de Sergipe

André Luiz toma posso como secretário de Estado da Agricultura e Pesca de Sergipe
janeiro 22 09:24 2019 Imprimir Conteúdo

Solenidade foi coordenada pela secretária Rose Rodrigues que deixou o cargo, depois de dez meses à frente da pasta

Engenheiro Agrônomo e funcionário de carreira do Incra, André Luiz Bonfim Ferreira tomou posse, nesta segunda-feira, como novo secretário de Estado da Agricultura, Desenvolvimento Agrário e da Pesca. A solenidade contou com a presença do deputado federal João Daniel, dos prefeitos Francisco Carlos (Chico) de Nossa Senhora da Glória, e Pedro Silva (Pedrinho) do município de São Domingos e diversos representantes dos movimentos dos trabalhadores rurais como MST, MPA, Movimento de Mulheres, Movimento Quilombola, Movimento das Marisqueiras, Associação dos Pescadores e Armadores, Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras (Fetase) e Sindicato dos Extensionistas Rurais de Sergipe.

A solenidade foi coordenada pela secretária Rose Rodrigues que deixa o cargo no dia de hoje, depois de dez meses à frente da Pasta. Rose disse que, embora num tempo curto, foi possível deixar uma marca importante e reconhecida pelos movimentos do campo. “Entre os vários feitos, destaco 13 ações que julgo relevantes: a articulação para publicação do Decreto 40.051/2018 que regulamento a Lei da Agroecologia; a distribuição, pela primeira vez na história e Sergipe de 45 toneladas de sementes crioulas para os agricultores familiares, assentados de reforma agrária, quilombolas e indígenas; a entrega de mais de 400 toneladas de sementes de variedades dentro do calendário agrícola do ano passado; aumento do desempenho do Projeto Dom Távora de 16% para 60% da meta acordada com o FIDA – Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola, saindo de 69 para 133 projetos financiados; Inclusão de Sergipe no Termo de Cooperação Técnica sobre Povos e Comunidades Tradicionais firmado com os estados da Bahia, Ceará, piauí, Maranhão e Minas Gerais.

Rose Rodrigues ressaltou a ampliação das câmaras técnicas das Comunidades Tradicionais, Mulheres, Juventude e Agroecologia no Conselho Estadual de Desenvolvimento; resolução das pendências técnicas em relação ao terminal pesqueiro; elaboração da minuta do Projeto de Lei que institui o Projeto de Mecanização na Hora Certa; Aquisição e instalação da Câmara Fria do Centro de Capacitação no município de São Cristóvão; encaminhamento da ordem de serviço para construção do Centro Social de Reforma Agrária no Assentamento Caio Prado em Estância; contribuição na aprovação do Licenciamento Simplificado para queijarias; aquisição de 14 grades aradoras, 14 carretas agrícolas, 5 veículos de passeio e uma caminhonete com recursos de emendas do deputado João Daniel; por fim destacou a realização do primeiro evento organizado ela Segari com o tema “Feminismo Camponês Popular: Políticas públicas para as mulheres do campo.

Novo gestor

Nos últimos cinco meses, André Bomfim vinha trabalhando como assessor de Planejamento na própria secretaria da Agricultura. Agora, nomeado pelo governador Belivaldo Chagas, com decreto publicado no Diário Oficial nesta segunda-feira, passa a ser titular da pasta com bastante conhecimentos dos projetos em execução.

O novo gestor se diz honrado pelo convite feito pelo governador. “Me sinto grato e ao mesmo tempo desafiado a lidar com a gestão de uma pasta tão importante que envolve mais de 200 mil pessoas no setor produtivo agropecuário. Alinhado com o governador, faremos uma gestão baseada no diálogo, nas trocas constante de experiência e informações com o setor produtivo e com colegas secretários, com o governo Federal, federações, cooperativas, associações, movimentos sociais, pequenos produtores, médios e grandes produtores, e pessoas que queiram contribuir com nosso trabalho, fomentando os programas de acesso e regularização fundiária, a agroecologia, o agronegócio a pecuária e o setor pesqueiro no estado”, detalhou André.

O novo secretário reconheceu o importante papel dos os servidores da Seagri e das empresas vinculadas Emdagro, Cohidro e Pronese para a eficiência dos trabalhos, e convida para a somação de esforços. “O resultado estará nas mãos de todos nós, portanto, quero conclamar a todos para que, com simplicidade e humildade, continuemos somados no propósito de fortalecer cada vez mais as atividades produtivas do campo sergipano e, desta forma, melhorar a qualidade de vida das famílias” concluiu André.

O Prefeito Chico disse que o município de Glória está à disposição para somar em busca do desenvolvimento do estado. “Fiquei muito feliz de ter trabalhado com a secretária Rose, e sobre André Bomfim que já conheço do Incra, sei que também é um guerreiro lutador e vai contribuir para engrandecer o trabalho voltado para a agricultura e pecuária”.

Representando todos os secretários municipais da Agricultura, o secretário de Lagarto, Flamarion Déda, destacou que Rose engrandeceu a secretaria da Agricultura não apenas porque foi a primeira mulher, mas porque deu um novo viés a este setor, colocando em pauta a agricultura familiar e camponesa. “Parabenizar André e ao mesmo tempo deseja boa sorte,’ porque todos sabemos que é um tempo de dificuldade econômica e crise hídrica”. Ele finalizou parabenizando o governador Belivaldo por dar continuidade a um projeto implementado em defesa da agricultura camponesa.

Engenheiro Agrônomo, formado pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia – UESB (2005), André é especializado em Direito Agrário pela Universidade de Araraquara (UNIARA) 2016. Ingressou no Serviço Público Federal no ano de 2006 como Perito Agrário. No ano de 2008, foi nomeado Assistente Técnico da Divisão de Obtenção de Terras de Sergipe, no ano de 2016 foi nomeado assessor de Planejamento da Secretaria de Estado da Agricultura, Desenvolvimento Agrário e da Pesca de Sergipe.

Foto assessoria

  Editoria: