Disputa pela UFS

Disputa pela UFS
dezembro 16 08:44 2019 Imprimir Conteúdo

Faltando ainda quase um ano para a escolha do novo reitor, já começou a corrida pelo comando da Universidade Federal de Sergipe. Os mais afoitos são os que enxergam na ascensão da extrema direita a chance de desbancar o grupo que comanda a UFS. Já tem pré-candidato batendo nas portas de ministros e parlamentares com o objetivo de pedir apoio à indicação para a reitoria mesmo que seus nomes não figurem na lista tríplice. Isso não será difícil se o suplicante cair nas graças do capitão de pijama e do obtuso ministro da Educação. Aliás, para os direitistas que sonham em virar reitor, aconselha-se defender abertamente o AI-5, o extermínio dos índios, jurar que Zumbi traficava escravos, se matricular no ridículo curso do astrólogo paspalhão Olavo de Carvalho, prometer jubilar os universitários maconheiros e, principalmente, admitir que a terra é plana. Danôsse!

Greve geral

E os servidores estaduais decidem hoje se entram em greve contra a PEC da Previdência, em tramitação no Legislativo. Uma assembleia para discutir a paralisação da categoria acontecerá, à tarde, na Praça Fausto Cardoso, centro de Aracaju. Segundo a CUT, a famigerada reforma da Previdência do governo Belivaldo Chagas (PSD) consegue ser mais cruel do que a aprovada pelo Congresso contra os servidores federais. Crendeuspai!

Espia pra ele!

E o senador Alessandro Vieira (Cidadania) se disse indignado com o reajuste dos salários dos futuros vereadores, prefeito e vice de Aracaju. “Vamos fazer a nossa parte, pressionando o prefeito Edvaldo Nogueira para que ele vete o aumento. Se ele não vetar, nós vetaremos”. Tudo bom, tudo certo se o digno senador também não ganhasse sem reclamar um super salário, além das mordomias inerentes ao cargo. É aquela velha história: faça o que digo, não faça o que faço. Ôxe!

O passado lhe condena

Com o título acima, a colega Thais Bezerra publicou no Jornal da Cidade a seguinte nota: “Caso resolva disputar a Prefeitura de Canindé, o pastor Heleno Silva (Republicanos) vai precisar de um bom discurso para convencer o eleitorado. Os canindeenses ainda não esqueceram a péssima administração do reverendo, que foi eleito em 2012 com 51% dos votos. Chocado com a queda da arrecadação, Heleno passou quase todo o mandato ameaçando renunciar. Aliás, os adversários do ex-prefeito já estão colecionando as queixas que ele fazia para apresentá-las aos eleitores durante a campanha”. Aff Maria!

Sem perigo

Não há estudos comprovando a relação da radiação emitida pelas antenas de celular com o surgimento de doenças. O professor de engenharia elétrica Leonardo Menezes, diz que é praticamente consenso que a exposição à radiação das antenas não tem efeito notável nenhum sobre a saúde. Mas, segundo ele, ainda há dúvidas dos efeitos do uso prolongado dos aparelhos de celular. “É muito mais provável o efeito do telefone em si do que da torre”, diz Leonardo. Será mesmo?

Câmara explica

Diante da grande repercussão sobre o reajuste dos futuros prefeito, vice e vereadores de Aracaju, a Câmara emitiu nota se explicando. Diz que cumpriu a legislação, que manda reajustar os salários dos ditos cujos antes das eleições, tendo como referência os subsídios dos deputados estaduais. A nota também informa que o aumento será bancado pela própria Câmara, que vem reduzindo despesas ano após ano. Então, tá!

De olho na Prefeitura

A candidatura da delegada de polícia Danielle Garcia (Cidadania) dependerá do que dirão as pesquisas. Caso ela esteja bem avaliada, disputará a Prefeitura de Aracaju, porém se a vereadora Emília Corrêa (Patriota) aparecer melhor terá o apoio do grupo da delegada. Entrevistada pelo Portal Só Sergipe, Danielle disse que já se imagina auditando os contratos da prefeitura. “É como se eu estivesse resgatando a minha atuação de delegada, só que em outro patamar”, discursa. Homem, vôte!

Bota fora

A depender do Ministério Público Estadual, o mandato do prefeito de Canindé, Ednaldo da Farmácia (Progressista), está com os dias contados. A Procuradoria-Geral de Justiça já pediu ao Tribunal de Justiça que decrete intervenção na Prefeitura por 180 dias. O MPE alega que a administração municipal é uma bagunça generalizada. Interessante é que foi esse mesmo Ministério Público que conseguiu abortar o impeachment aprovado pelos vereadores contra o prefeito. Marminino!

Praga verde

Boa parte das árvores que a Prefeitura vai arrancar na Avenida Hermes Fontes foi plantada na década de 70. Na época, o prefeito biônico de Aracaju, João Alves Filho (DEM), autorizou o plantio de milhares de mudas da espécie Pithecellobium Dulce, popularmente conhecida como mata-fome. Nativa do México, portanto exótica, esta espécie cheia de espinhos virou uma praga na capital. As raízes rasas facilitam a queda da árvore, muitas vezes sobre carros. A Prefeitura promete substituir as mata-fome por mudas de árvores nativas. Ah, bom!

Duelo no bar

O médico Gilberto Santos, ex-diretor do Hospital de Cirurgia, duelou à garrafas com o representante comercial Ediranir dos Santos. O confronto aconteceu, sábado último, num barzinho em Nossa Senhora das Dores. Felizmente, os adversários sobreviveram à contenda. Segundo testemunhas, o médico valentão não engoliu as criticas que Ediranir vinha fazendo a ele pelas redes sociais. Misericórdia!

Recorte de jornal

Publicado no jornal Tribuna de Aracaju, em 20 de julho de 1931.

  Editoria: