Valmir de Francisquinho na bolsa de apostas

Valmir de Francisquinho na bolsa de apostas
junho 17 08:24 2022

Por Adiberto de Souza *

Desde que o Tribunal Superior Eleitoral agendou o julgamento do processo de Valmir de Francisquinho (PL) que os sergipanos apostam sobre a hipótese de ele ganhar a pendenga jurídica e garantir o direito de disputar o governo de Sergipe. Condenados pelo TRE por abuso do poder econômico na campanha de 2018, Valmir e o filho, deputado Talysson (PL), ficaram inelegíveis por oito anos. A depender da maioria dos ministros do TSE, contudo, os dois podem disputar as eleições de outubro. É justamente sobre isso que os sergipanos têm apostado. Uns acham que a inelegibilidade de ambos será mantida no julgamento do próximo dia 23, enquanto outros apostam que o TSE dará salvo contudo a pai e filho. O experiente jornalista político Diógenes Brayner deu flash sobre essa bolsa de apostas: “Aliados de Francisquinho e Talysson acham que os dois ganham por 4 a 3. A oposição avalia que perderão por 5 a 2 e um advogado sergipano que atua em Brasília admite que o placar será de 6 a 1 contra Francisquinho e o filho”. E você, também já fez uma posta sobre este julgamento? Aff Maria!

Lula acorda a direita

Foi preciso o presidenciável Lula da Silva (PT) anunciar que vem a Aracaju para a direita sergipana se acordar sobre a campanha eleitoral deste ano. Tanto isso é verdade que, ontem, os bolsonaristas e outros ultraconservadores promoveram um “adesivasso” na capital sergipana. Patrocinado pela “Marcha da Família”, “Foro Conservador” e “Brasil 200”, a distribuição de adesivos favoráveis ao presidente Jair Bolsonaro (PL) aconteceu no bairro 13 de Julho, por coincidência o 13 do PT de Lula. Marminino!

De quem é o MDB?

Ganha uma mariola de goiaba quem acertar em qual palanque estará o MDB sergipano. Provisoriamente sob o comando do ex-governador Jackson Barreto, o partido faz parte do blogo governista, porém pode ser entregue à oposição a qualquer momento.  O pré-candidato a governador Rogério Carvalho (PT) está mexendo os pauzinhos junto à direção nacional do MDB para tomar a legenda de JB e colocá-lo em seu palanque. Segundo o petista, a executiva nacional da sigla deve decidir na próxima semana o rumo do MDB sergipano. Aguardemos, portanto!

Brasil indignado

É forte a reação da sociedade brasileira contra os bárbaros assassinatos do indigenista Bruno Araújo Pereira e do jornalista britânico Dom Phillips. Ambos foram esquartejados e tiveram os corpos queimados pelo crime organizado que se apoderou da Amazonas. Segundo o senador Alessandro Vieira (PSDB), os dois crimes são um atestado da falência do Estado brasileiro: “Nos falta tudo, inclusive capacidade de indignação, cada vez mais anestesiada pela sucessão de tragédias”, discursa o tucano. Segundo Vieira, “é hora de reunir o que nos resta de humanidade e depositar nas urnas. O Brasil pede vida”. Misericórdia!

Prefeito forrozeiro

Quem se divertiu a valer no Forró dos Idosos de Aracaju foi o prefeito Edvaldo Nogueira (PDT). Organizado pelo Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa, o evento reuniu cerca de 600 pessoas no Iate Clube de Aracaju. Zabumbeiro de marca maior, Edvaldo entrou na dança e até deu uma de cantor: “Que saudade eu tava do Forró dos Idosos e de dançar com minhas amigas”, afirmou Nogueira, ao final da festança. Então, tá!

Educação desigual

A situação educacional de jovens com idade entre 15 e 29 anos é um misto de avanços, problemas e desafios, de acordo com estudo divulgado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada. O levantamento mostra que o processo de escolarização da maioria dos jovens ainda é marcado por oportunidades limitadas e que, no Brasil, prevalecem expressivas desigualdades educacionais entre ricos e pobres, brancos e não brancos, e moradores de áreas urbanas e rurais e das diferentes regiões. Só Jesus na causa!

Nota triste

Deve chegar ao Brasil neste sábado, o corpo do ex-vereador de Arauá, Vaguiner Silva (PL), 42 anos. Ele foi assassinado a facadas em Paris, onde morava. O crime ocorreu no último dia 29. A expectativa dos familiares é que o féretro do ex-parlamentar chegue em Aracaju na madrugada do próximo domingo, devendo seguir imediatamente para Arauá, onde ocorrerá o velório e o sepultamento. Vagner foi vereador entre 2017 e 2020, tendo presidido a Câmara de Arauá. Em 2020, concorreu sem sucesso ao cargo de prefeito daquele município sergipano. Após o pleito, voltou para a França, onde era sócio de uma empresa de reformas de residência. Descanse em paz!

A lei de talião

O uso da força por parte da polícia é apoiado pela metade da população. Pesquisa do Datafolha mostra que 50% das pessoas concordam com a afirmação “bandido bom é bandido morto”. A faixa mais velha da população, com 60 anos ou mais, é a que tem maior aceitação da força letal. Segundo a pesquisa, 65% concordam com a morte de criminosos e 30%, não. Home vôte!

Contas rejeitadas

A Câmara de Vereadores de Ribeirópolis rejeitou as contas da ex-prefeita Uíta Barreto (PSD), referentes ao exercício de 2009, portanto há 13 anos. A maioria do legislativo municipal preferiu seguir o parecer do Tribunal de Contas de Sergipe, pela rejeição das contas da ex-gestora. Nas eleições de 2020, Uíta apoiou prefeito Rogério Sobral (PL). Ao votar pela rejeição das contas, a bancada governista na Câmara de Ribeirópolis pode ter dado o pontapé inicial para o rompimento político da ex-prefeita com Sobral. Crendeuspai!

Beabá das eleições

O Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe promove, segunda-feira próxima, o Seminário “Por dentro das eleições”, tendo como público-alvo os jornalistas que vão fazer a cobertura do processo eleitoral deste ano. Serão ministradas palestras sobre “Propaganda eleitoral”, “Segurança das urnas” e “Estrutura logística da eleição em Sergipe”. Segundo o presidente do TRE, desembargador Roberto Eugênio Porto, o seminário vai permitir que os jornalistas tirem dúvidas sobre a campanha eleitoral e o pleito de outubro. Participe!

Filosofia de Britto

Do sergipano Carlos Ayres de Britto, ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal: “O amor não serve para coisas como pegar o touro a unha. A serventia dele é para pegar no laço o infinito”. Ah, bom!

Recorte de jornal

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Publicado no jornal aracajuano Gazeta Socialista, em 27 de maio de 1950.

É editor do Portal Destaquenotícias

  Editoria: