Valmir de Francisquinho mostra força e liderança

agosto 01 05:29 2018 Imprimir Conteúdo

Uma demonstração de força política foi dada pelo prefeito de Itabaiana, Valmir de Francisquinho (PR), na manhã desta terça,31. Centenas de pessoas atenderam seu convite e prestigiariam um bate papo quando Valmir apresentou seus candidatos no pleito de outubro próximo, reforçando a pré-candidatura do seu filho, Talysson Costa (PR) a deputado estadual. O evento aconteceu na churrascaria do Pirata, às margens da BR 235 e deixou o chefe o Executivo Itabaianense mais animado do que nunca.

De forma objetiva, Valmir de Francisquinho (PR), disse que estar no projeto do senador Eduardo Amorim (PSDB) para o Governo do Estado, André Moura (PSC) e Heleno Silva (PRB) para o senador, Bosco Costa (PR) deputado federal e, lógico, Talysson para estadual.

Em sua fala Valmir fez questão de dizer que Sergipe vive um caos em todos os setores e que Belivaldo Chagas (PSD) representa a continuidade do governo de Jackson Barreto, tido como o pior da história de Sergipe. “O estado está endividado, violento, com os piores índices na Educação, Saúde e sequer paga os salários em dia. Essa situação não pode continuar e vejo no senador Eduardo Amorim a melhor opção para tirar o estado do fundo do poço”, afirmou, adiantando que Eduardo está preparado para o cargo.

ANDRÉ

Com relação ao senado, Valmir afirmou que votar em André Moura é reconhecer o trabalho de um político moderno, trabalhador e voltado para os interesses do povo. Lembrou que nunca um deputado carreou tantos recursos para o Estado de Sergipe, nem mesmo na época do Governo de Deda, compadre do então presidente da República, Luiz Ignácio Lula da Silva. Somente em Itabaiana foram mais de 27 milhões de reais para pavimentação de ruas, rede de esgoto e outras obras de igual importância. Me sinto à vontade votando em André, pois se trata de um voto de gratidão e de reconhecimento de um trabalho inédito em nosso estado”, disse, confirmando o apoio também para Heleno Silva (PRB).

BOSCO

Com relação ao deputado federal, o prefeito de Itabaiana afirmou que Bosco Costa (PR) terá seu total apoio, acreditando que ele sairá vitorioso do pleito e com todas as condições de realizar um grande mandato em favor do povo de Sergipe, notadamente dos itabaianeneses.

TALYSSON

Falou pouco sobre o filho, mas reafirmou sua confiança numa grande vitória e adiantou que Talysson é um jovem empresário que aprendeu a trabalhar cedo, ter responsabilidade com a empresa da família e hoje surge como uma liderança jovem, capaz de realizar um sólido mandato de deputado estadual.

COMPARAÇÃO INEVITÁVEL

E como se trata de Itabaiana, as comparações são inevitáveis. Logo após o bate papo comandado por Valmir de Francisquinho surgiram fotos na internet, comprando-o com o evento promovido pela sua mais nova adversaria, a deputada Maria Mendonça. No evento do prefeito, conforme mostram as fotografias, o número de pessoas foi pelo menos cinco vezes maior.

IVAN LEITE

O deputado federal André Moura e o senador Eduardo Amorim não confirmaram oficialmente o nome do ex-prefeito de Estância, Ivan Leite (PRB) como pré-candidato a vice-governador. Disseram que houve uma boa conversa, mas que a decisão oficial ficará mesmo para o dia da convenção, próxima sexta, 3, no Iate Clube de Aracaju.

A BRONCA DO GOVERNADOR

Bem ao seu estilo, o governador Belivaldo Chagas (PSD), lamentou que alguns políticos tenham ficado no governo até o ultimo minuto da prorrogação e agora decidam abandonar o barco. Se referiu claramente a Fabio Henrique (PDT), Heleno Silva, Jony e Ivan Leite (PRB), esse último o mais novo oposicionista.

O SUPLENTE DE SENADOR

Ficou mesmo para o dia da convenção a decisão dos nomes dos dois suplentes de senador no grupo liderado por Eduardo Amorim. Adailton Souza, que foi Secretário de Administração de Itabaiana até bem pouco tempo, continua sendo o preferido do prefeito Valmir para a suplência de Heleno Silva. É aguardar!

O PT CONTRA O PT

E a história se repete. Em Sergipe os petistas ligados a corrente Articulação de Esquerda, sofrem mais uma derrota e viram o sonho de candidaturas própria ao governo e senado, se tornar em um pesadelo. Como sempre o campo majoritário passou o trator por cima das pretensões da deputada Ana Lúcia, a líder da esquerda petista.

OS PREFERIDOS

Com o resultado das prévias do PT, os nomes de Eliane Aquino, Rogério Carvalho e Márcio Macedo, serão os mais “acarinhados’ nas próximas eleições. Apesar do esforço dos professores Joel e Dudu, mais uma vez o Partido dos Trabalhadores será apenas coadjuvante na disputa eleitoral.

SEM GRUPO

O tempo passa, o tempo voa e o senador Valadares (PSB) não consegue formar um grupo, pelo menos como pretendia, para fortalecer a pré-candidatura de Valadares Filho (PSB). Apesar da boa performance, segundo as pesquisas, fica cada vez mais distante o sonho de uma vitória, conforme analistas políticos. Acham que sem grupo, pode até chegar perto, mas não chega ao ponto final.

Dr. EMERSON

O pré-candidato a governador pela Rede Sustentabilidade, Dr. Emerson, está fazendo uma verdadeira turnê pelo interior do estado. Concede entrevistas em emissoras de rádio, conversa com lideranças e fortalece sua caminhada. Garante que não está nem um pouco preocupado com os resultados das pesquisas. Ele acredita que o eleitor cansou de votar nos mesmos nomes. É aguardar!

COMPRA DE VOTO

Um pré-candidato a deputado federal em Sergipe não esconde de ninguém que tem muito dinheiro e está disposto a gastar para se eleger. Lideranças políticas e comunitárias são pagas a peso de ouro. O rapaz também está atuando junto a algumas “igrejas”, oferendo dinheiro a pastores. E a Justiça Eleitoral, como sempre, de olhos fechados.

PDT/PSB

O presidente estadual do PDT, radialista Fábio Henrique não confirma oficialmente, mas está de mala e cuia para desembarcar no projeto político do PSB. Aproveita tudo que pode do governo, mas vai mesmo de Valadares Filho (PSB).

JACKSON E LUCIANO

Não faz muito tempo e o então governador Jackson Barreto e o presidente da Assembleia Legislativa, Luciano Bispo fizeram a maior festança, com direito a muito fogos, para anunciar a obra de asfaltamento de três povoados em Itabaiana: Carrilho, Bom Jardim e Barro Preto. Era o chamado “cinturão preto”. Ficou apenas na promessa.

JACKSON E LUCIANO II

O pior nesta história é que os dois, JB e Luciano, esqueceram de combinar a desculpa. Sexta passada, o deputado foi a uma emissora de rádio e disse que a obra não saiu porque o prefeito Valmir se negou a liberar a licença. Nesta terça, JB, meio sem querer, desmentiu essa versão. Disse que foi o Governo Temer que não liberou a verba, através de um empréstimo do Finisa, numa perseguição ao seu governo.

A VERDADE

Como a verdade sempre vence a mentira, o certo mesmo é que o prefeito não negou licença: ao contrário, publicou resposta a um ofício enviado pelo DER, solicitando a documentação para conceder a tal autorização do uso do solo. No documento, o prefeito se colocava à disposição para agilizar tudo que dependesse do município. O DER sequer respondeu. Na verdade, na verdade, foi mais uma promessa, de tantas que Luciano fez, em época de eleição. Virou rotina. Mas que ficou feio, isso ficou. Foi não?

 

  Editoria: