Suspeita de Crime de Injúria Racial praticado pela segurança privada da “Festa do Catete”, no município de Rosário  

junho 13 16:42 2022

No último sábado (11), por volta das três horas da madrugada, foliões da Festa do Catete, evento cultural realizado pela Prefeitura Municipal de Rosário do Catete, presenciaram mais um fato lamentável de suposto crime de Injúria Racial. O fato foi praticado pela segurança privada do evento que no decorrer da noite passou a perseguir e reprimir um jovem folião que se divertia no local.

O que chamou a curiosidade dos presentes foi que o citado jovem, negro, não havia esboçado qualquer conduta que merecesse reprimenda pela equipe de segurança do evento. Contudo, por razões outras que serão apuradas pelas autoridades competentes, a equipe de segurança do evento foi levada a usar arbitrariamente da força contra o jovem folião, tentando arbitrariamente retirá-lo do evento, situação que pôde ser evitada por pessoas que presenciaram a situação e graças a atuação do advogado criminalista Victor Passos, que presenciou o ocorrido.

Com a precisa atuação do advogado naquele momento, foi contornada a situação e evitado que o jovem fosse conduzido arbitrariamente para fora o evento sem razões mínimas e até mesmo foi evitado que um mal maior pudesse ter acontecido, como tem visto a sociedade sergipana nos últimos tempos.

As medidas judiciais cabíveis já estão sendo tomadas e vamos cobrar que o caso seja investigado e punidos os eventuais responsáveis pelo ocorrido, afirmou o advogado do jovem.

Com isso, constatamos mais um possível caso de crime praticado contra a população negra do país, fato este que deve ser reprimido por toda a sociedade, haja vista sermos um país com pluralidade de raça, cor e origem. Esses fatos não podem mais ser admitidos em nossa sociedade e nós estamos atentos e vigilantes para evitar casos com esse, afirma o advogado.

Por Vitor Passos – Advogado

  Editoria: