Simão Dias sai da 72ª colocação e alcança o 25º lugar na atenção básica

Simão Dias sai da 72ª colocação e alcança o 25º lugar na atenção básica
junho 13 09:25 2022

 

Simão Dias sai da 72ª colocação e alcança pela 1ª vez na história o 25º lugar nos indicadores da atenção básica

Desde o primeiro quadrimestre de 2018, até o terceiro quadrimestre de 2021, Simão Dias tem desempenho quase zero em todos os quesitos de avaliação da saúde, chegando a zerar 6 dos 7 indicadores.

Em menos de 1 ano e seis meses de gestão, o prefeito Cristiano Viana (PSB) investiu muito na saúde do município e começa a colher os frutos do trabalho sério e com compromisso de fazer a diferença. “Coloquei meu vice-prefeito para trabalhar. Formado em Odontologia, com Mestrado em Saúde, determinei que tornasse nossa saúde uma referência e que pudesse abraçar nossa gente com muito amor e responsabilidade”, destacou o gestor.

Durante a entrevista, o prefeito Cristiano Viana falou que os investimentos da saúde serão ainda mais presentes esse ano. A entrega do Centro de Saúde Givanildo Viana vai contar com ultrassom, RX, laboratório de análises clínicas e todas as especialidades médicas do município.

Entrevistamos também o secretário de saúde Renaldo Prata que abordou acerca dos rumos da área em Simão Dias. “Inicialmente o bom trabalho é devido a parceria com o prefeito. Os investimentos realizados mostram a preocupação com a saúde municipal. Ainda não alcançamos o que almejamos, temos muito trabalho a fazer, mas os dados mostram o quanto evoluímos e estamos no caminho certo”, frisou Renaldo Prata.

Os indicadores de saúde procuram descrever e monitorar a situação em saúde de uma população. Vejam a diferença, em dados, durante os anos em nosso município (tabela acima).

Entendam as tabelas: No período de 2018 – Dos 75 municípios sergipanos, Simão Dias ocupava o 72º e dos 7 indicadores de saúde somente se pontuava em uma avaliação, os outros 6 recebeu nota 0. Do primeiro quadrimestre de 2018 ao terceiro quadrimestre de 2020, o município ocupava as últimas colocações e nunca saiu da zona vermelha.

A partir de 2021, na nova gestão no primeiro quadrimestre, os meses iniciais foram para entendimento dos dados, planejamento e ações, e a colocação foi absorvida como natural, e se compreendeu a queda dos dados do Ministério da Saúde.

No segundo quadrimestre, os frutos do bom planejamento começaram a ser colhidos. Simão Dias sai pela primeira vez da zona vermelha e tem seu melhor resultado na história, em seis meses de gestão.

No terceiro e último quadrimestre de 2021, um ano de trabalho, e novamente o melhor resultado da história. O município se mantém na zona laranja, mas já  ocupava o 33º lugar.

No primeiro quadrimestre de 2022 se concretiza o início de uma nova história. De acordo com os dados do Ministério da Saúde, melhor resultado da história de Simão Dias, ocupando o 25º, e entrando na zona verde. Com a informatização do sistema de saúde, espera-se crescer ainda mais, e com toda certeza resultados ainda melhores.

Os números deste quadrimestre deixa o município de Simão Dias em uma colocação bastante satisfatória, haja vista que os dados da gestão passada mantinham o nosso município no 72º lugar. Justamente isto! Dos 75 municípios do Estado de Sergipe, o desempenho da saúde do nosso município estava na posição de número 72.

Acompanhe, também, o gráfico evolutivo, por ano, dos indicadores de saúde de Simão Dias (Gráfico acima).

O gráfico deixa claro a evolução da saúde de Simão Dias. “Mesmo com todas as dificuldades encontradas e desafiadas, estamos nos superando a cada dia, e fazendo da saúde de Simão Dias uma referência para nosso Estado. Cristiano e Renaldo, agradecem imensamente aos grande responsáveis pelos resultados alcançados, aos nossos profissionais de saúde, nossos verdadeiros heróis, e temos certeza que chegaremos a grandes resultados”, observou o secretário de Saúde.

Os dados podem ser acompanhados pelo site do Ministério da Saúde e são essenciais e determinantes para o desenvolvimento da saúde pública de cada município.

ASCOM / Prefeitura de Simão Dias

  Editoria: