Setur e BNB lançam plano de ação para potencializar o turismo na Rota da Farinha

Setur e BNB lançam plano de ação para potencializar o turismo na Rota da Farinha
junho 08 11:12 2022

 

Será desenvolvido um calendário com 58 atividades durante 5 anos, com ações que devem ordenar, regulamentar e conscientizar sobre a atividade turística de forma sustentável na região

Em solenidade realizada nesta terça-feira, 7, no município de São Domingos, foi lançado o Programa de Desenvolvimento Territorial (Prodeter) Rota da Farinha, que consiste num roteiro de turismo rural, ecológico e de experiência agregando valor ao destino Sergipe, promovido pela Secretaria de Estado do Turismo (Setur) e Banco do Nordeste (BNB) e os municípios de Campo do Brito, São Domingos e Macambira.

O Plano de Ação Territorial (PAT) deste roteiro reúne os três municípios do Agreste sergipano, inclusive, o mapeamento dos atrativos foi realizado por equipes da Setur e das três prefeituras envolvidas.

Desta forma, será desenvolvido um calendário com 58 atividades durante 5 anos, com ações que devem ordenar, regulamentar e conscientizar sobre a atividade turística de forma sustentável na região.

O secretário de Estado do Turismo, Sales Neto, agradeceu aos prefeitos envolvidos na consecução da Rota da Farinha, assim como o empresário Jotinha Menezes e seu pai José Menezes, que já estão investindo em um empreendimento na Cachoeira de Macambira, e entidades parceiras (Sebrae e Banco do Nordeste), enfatizando que é um roteiro que tem potencial para transformar a região, assim como a vida das pessoas, porque além de ser um roteiro que envolve o turismo de natureza, movimenta a economia do setor produtivo das casas de farinha nesses três municípios.

“Já temos os atrativos naturais ao nosso dispor que devem ser explorados sob o aspecto da sustentabilidade. O nosso objetivo é fazer da Rota da Farinha uma exploração sustentável possibilitando também, por meio desse roteiro uma nova fonte de renda para as famílias que vivem das casas de farinha, além de profissionalizar a comunidade despertando o interesse em trabalhar também com o turismo, gerando mais e empregos e renda”, destacou.

Os três municípios possuem mais de 600 unidades produtoras dos derivados da mandioca e ambientes naturais de grande relevância para o turismo, a exemplo de serras e cachoeiras que propiciam áreas de banho e contato com a natureza, além de visitas guiadas às casas de farinha da região e degustação da culinária típica local, a Rota da Farinha é uma atividade turística artesanal baseada na agricultura familiar que fomenta a economia da região Agreste.

Durante o evento, a consultora do Sebrae/SE fez a apresentação da experiência Rota dos Umbuzeiros, que desenvolve várias ações com produtores rurais e empresários do Alto Sertão, que servirão de exemplo para ações que serão desenvolvidas na Rota da Farinha.  Também teve a apresentação da quadrilha junina Xodó do Freire.

Estavam presentes neste evento o prefeito de Macambira, Carivaldo Souza; e representando as prefeituras de Campo do Brito e São Domingos, o diretor de turismo Daniel Tavares; e o secretário de Turismo e Esportes, Saulo Vinicius Santos, respectivamente; o gerente da agência de Itabaiana do Banco do Nordeste, Milton Flávio; o analista técnico do Sebrae/SE, Luiz Machado, representando a entidade; a presidente do Sindicato dos Guias de Turismo de Sergipe, Irma Karla; o empresário Jotinha Menezes, que implantou um empreendimento dentro da sua fazenda que fica próximo à Cachoeira de Macambira; além de representantes de cooperativas agrícolas produtoras de farinha e frutas; e associações, exemplo da UNIAGRO, COOFAMA, Associação Raízes de Macambira e Associação Comercial de São Domingos.

Fonte e foto Setur

  Editoria: