Setur desenvolve uma série de ações estratégicas contemplando todo o Estado

Setur desenvolve uma série de ações estratégicas contemplando todo o Estado
setembro 23 06:46 2018 Imprimir Conteúdo

A Secretaria de Estado do Turismo (Setur), ao longo dos anos, atua intensamente no fomento do crescimento do turismo em Sergipe com uma série de ações, a prova disso, são os inúmeros projetos em execução na área de infraestrutura, educação, ambiental, assistência social e o fortalecimento institucional, tendo como base programas e projetos gerenciados pelo Ministério do Turismo.

“A Orla de Canindé é uma das mais modernas do Nordeste e foi construída com recursos do Prodetur. A ação representa um ganho em prol do turismo de Sergipe que gera mais de 90 empregos diretos fortalecendo a economia local e que, além da intervenção, promoveu cursos na área de Preparação de Agentes de Desenvolvimento ao Turista, Condutor de Turista, e Manipulação de Alimentos, por exemplo. O município vivencia diariamente os resultados do programa na região que beneficia o empresariado e a comunidade como um todo”.

A fala é do secretário de Turismo de Canindé do São Francisco, Genilson Aragão, ao destacar os benefícios obtidos com a construção da Orla e Implementação do Sistema de Esgotamento Sanitário – Prainha de Canindé do São Francisco, inaugurada em 2016. Orçada em R$ 8.208.119,77, a obra recebeu recursos provenientes do Programa de Desenvolvimento do Turismo em Sergipe (Prodetur/SE), por meio do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), cujo principal objetivo do programa é fortalecer a geração de emprego e renda no Estado, através da consolidação e diversificação da atividade turística.

O Prodetur tem como diretrizes a consolidação do destino turístico, o fortalecimento da institucionalidade turística, dotação de infraestrutura básica e a proteção dos recursos naturais, que constituem como a base da atividade turística. Além disso, já está presente em municípios como Indiaroba, Santa Luzia do Itanhy, Estância, Itaporanga, São Cristóvão, Poço Redondo, Neópolis, Canhoba, Itabi, Brejo Grande, Monte Alegre e Pacatuba, com ações baseadas no incentivo da qualificação turística.

A promoção de capacitações como Qualidade do Artesanato Adequado, Pós-Graduação (latu Senso) em Gestão de Projetos na Administração Pública, Pós – Graduação em Planejamento do Turismo e Gestão Empreendimentos Turísticos e Programas de Prevenção à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, são algumas das ações realizadas. No total, mais de 30 contratos estão sendo executados em diversas áreas e cidades, dos Polos Coqueirais e Velho Chico, que já contabilizam 3.200 pessoas capacitadas, sendo 980 do público feminino, gerando 2.863 empregos diretos e 8.589 indiretos.

Dado o alcance das ações do programa, o secretário de Estado do Turismo (Setur), Manelito Franco Neto, explica que o Prodetur de Sergipe realizou o investimento em um contrato denominado de Plano Estratégico de Marketing e Desenvolvimento de Peças Publicitárias. “A partir da construção de um planejamento estratégico do setor de marketing da Setur, que atendeu a todos os requisitos solicitados pelo financiador, que no caso é o BID, o Estado terá investimentos voltados para a área de publicidade e eventos de forma planejada”.

O secretário também disse que atualmente, através de ações estratégicas, Sergipe vem se destacando pelo investimento em diversas frentes de trabalho realizadas pelo programa. “Três bons exemplos são as obras de Implantação do Sistema de Esgotamento Sanitário do Povoado Crasto, Construção de Atracadouros- Ilha Mem de Sá e Povoado Caibros, que garantem a qualidade de vida da comunidade e dos turistas; a reforma do Centro de Turismo, localizado no Centro da Capital; e a reforma da Orla Pô do Sol”, destacou.

Investimentos

Com a proposta de proporcionar mais segurança nos passeios turísticos da região, além de impulsionar o desempenho turístico, está em fase de execução a reurbanização da Orla Pôr do Sol. As ações de melhoria tem o valor total de R$1.821.392,44, com recursos oriundos do BID e o prazo de conclusão é para dezembro deste ano. “Toda parte de iluminação está sendo aperfeiçoada, assim como a reforma do píer que vai permitir a parada de embarcações e lanchas com mais segurança. Os frutos dessa ação serão colhidos pela comunidade que terá uma orla com mais infraestrutura, proporcionando mais encantamento aos turistas”, enfatizou o secretário Manelito Franco Neto.

Universidade

Visando construir no ambiente acadêmico vários eixos de atuação e formas de investir no segmento, foi implementada, de forma inédita no país, turmas de especialização nos Polos Velho Chico e Costa dos Coqueirais, na Universidade Federal de Sergipe (UFS). “De forma inédita o Prodetur em Sergipe se preocupou em desenvolver um processo de capacitação e especialização voltado para os profissionais com graduação que atuam no turismo, algo novo com investimentos do Prodetur no Brasil. Houve um edital, e foram selecionados 105 pessoas e o nível de desistência foi muito baixo demonstrando a responsabilidade dos envolvidos”, afirmou o chefe do Departamento de Turismo da UFS, Denio Azevedo, pontuando que o grupo já está em fase de Trabalho de Conclusão de Curso (TCC.)

TagPoint

Como forma de otimizar o processo de divulgação do destino, baseado em um conceito de integração entre mídias sociais e o meio digital, aperfeiçoando o posicionamento de Sergipe nos eventos de outros Estados como a ABAV em São Paulo e a FESTURIS em Gramado, é que de forma diferencial, a Setur irá apresentar o Tagpoint nestas ações sendo uma mídia que permite a comunicação da pasta com os turistas que visitam Sergipe. Durante os eventos, o equipamento será ativado permitindo que o visitante da feira ao ativar o bluetooth poderá ter acesso a um vídeo institucional, exibindo as belezas e os atrativos de Sergipe.

Foto assessoria

Por Shis Vitória de Castro

 

 

 

  Editoria: