Pronto Socorro e corredor de catástrofe do Huse estão vazios na véspera do carnaval

Pronto Socorro e corredor de catástrofe do Huse estão vazios na véspera do carnaval
fevereiro 22 08:20 2020 Imprimir Conteúdo

Trabalho sério e que dá resultados. Esse é o compromisso do Governo do Estado com a saúde pública que já apresenta resultados positivos. Desde a última quarta-feira, 19, o corredor de catástrofe, a recepção do Pronto Socorro, a Área Azul poltrona (considerada de baixa complexidade), além do corredor do Centro Cirúrgico do Hospital de Urgência de Sergipe (Huse) estão zerados.

A superlotação que era visualizada meses atrás no Pronto Socorro, hoje, véspera de carnaval, apresenta outra realidade. “É uma demonstração do quanto o Huse atende a usuários de baixa complexidade,  que deveriam buscar assistência em Unidades de Pronto Atendimento (UPA) ou unidades basicas. Mas se a população precisar do nosso atendimento, as escalas médicas foram reforçadas e nós estaremos prontos para acolher”, disse a coordenadora do Pronto Socorro do Huse,  Débora Feitosa.

Segundo ela, esse é o resultado de um trabalho de acolhimento que foi implantado por toda a gestão com o esforço de uma equipe comprometida com o melhor atendimento ao usuário. “Uma prova de que, quem realmente necessita de atendimento de urgência está internado e com mais assistência. Os casos mais simlles as pessoas são médicas e recebem alta” explicou a coordenadora.

Fonte e foto assessoria

  Editoria: