Profissionais do Batalhão da Restauração passam por curso de qualificação

Profissionais do Batalhão da Restauração passam por curso de qualificação
novembro 01 13:45 2018 Imprimir Conteúdo

Foi inciada nesta quarta-feira, 31, e encerrou hoje, 01, na escola do legislativo, o Primeiro Fórum de Capacitação para Comunidade Terapêutica. O público alvo do evento foram os profissionais que prestam serviço para o Centro de Reabilitação de Dependentes Químicos ‘Batalhão da Restauração’ e teve o objetivo de qualificar e aperfeiçoar os trabalhos realizados na instituição, além de proporcionar tratamentos com resultados cada vez mais positivos.

Entre as palestras proferidas no curso estavam o trabalho com a dependência química e aconselhamento, do Professor Luiz Maciel Tavares; a psicóloga da mente, com Rita de Cássia Luz e uma palestra com monitor e dirigente de comunidade terapêutica, o deputado estadual Capitão Samuel.

O professor Luiz iniciou afirmou que a dependência química não é falta de caráter, é uma doença. “Quem está de fora acha que um indivíduo entra nas drogas porque quer, mas a grande dificuldade destas pessoas é a libertação, por mais que elas desejem e tentem mudar. No primeiro momento é preciso tratar o ambiente em que ele vive. Tratar de um usuário de drogas é um ato de amor, só entra nessa missão quem tem algum vínculo, seja por uso, por alguém da família que foi usuário ou alguma outra ligação qualquer”, afirma.

Para o Capitão Samuel cuidar da dependência química virou o maior projeto da sua vida. “Entrei nesse projeto de cabeça e hoje ele é a minha vida. Eu me sinto muito bem em cuidar do próximo e hoje que entendo que a dependência química é uma doença, quero cuidar e proporcionar o melhor para as famílias que sofrem com esse mal tão terrível. Esse curso só vem para agregar os nossos conhecimentos, para que possamos cuidar, cada vez melhor, dos nossos residentes”, declara.

Foto assessoria

Por Anne Isabelle

  Editoria: