Prefeitura retomou atendimentos do Caps Jael Patrício de Lima em seu prédio próprio

Prefeitura retomou atendimentos do Caps Jael Patrício de Lima em seu prédio próprio
agosto 04 15:25 2020 Imprimir Conteúdo

Desde segunda-feira (3), a Prefeitura de Aracaju, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), retomou as atividades do Centro de Atenção Psicossocial (Caps) Jael Patrício de Lima em seu prédio próprio, no bairro Cidade Nova.

Depois de passar por reformas estruturais, o Caps retomou suas atividades com foco no atendimento à população em sofrimento ou crise psíquica, casos com transtorno mental crônico ou severo, e em situação de vulnerabilidade social associada à necessidade de acompanhamento em saúde mental.

Segundo a coordenadora do Caps Jael Patrício de Lima, Laís Almeida, é importante salientar que, durante o período que o Caps esteve na retaguarda da covid-19 e passando por reformas, os usuários já atendidos pelo serviço, bem como as pessoas do território, passaram, temporariamente, a receber atendimento nas instalações do Caps Liberdade.

“Com essa medida, não houve nenhum tipo de desassistência aos usuários durante esse período. Voltamos à nossa sede com os acolhimentos, atendimentos individuais multiprofissionais e demais atividades do Caps que não façam aglomeração por conta das medidas de prevenção contra a covid-19”, explica.

Usuários

Ainda de acordo com a coordenadora, antes da pandemia, o Caps Jael já tinha 500 usuários ativos e fazia um atendimento diário de até 80 usuários. Hoje, estão atendendo 20 usuários diariamente seguindo as medidas de prevenção. O Caps Jael funciona 24 horas, pois também tem acolhimento noturno, intensivo e semi-intensivo.

“Retomamos os atendimentos seguindo as orientações de prevenção e distanciamento social, no prédio próprio do Caps, de forma que as pessoas que precisarem já poderão se encaminhar para realizar o acolhimento inicial, atendimento de escuta, atendimento psicológico, psiquiátrico e demais equipe multiprofissional; tudo de forma agendada e respeitando as diretrizes para que não gere aglomeração”, enfatiza.

Sobre os Centros de Atenção Psicossocial

A Rede de Atenção Psicossocial (Reaps) da SMS conta com seis Centros de Atenção Psicossocial (Caps), 14 Unidades Básicas de Saúde de referência em saúde mental, Projeto de Redução de Danos e urgência mental, que complementam a linha de cuidado em saúde mental no Município de Aracaju.

Informações e foto SMS

  Editoria: