PMA recebe novos equipamentos para tratar pacientes com necessidade de oxigênio

PMA recebe novos equipamentos para tratar pacientes com necessidade de oxigênio
junho 29 15:33 2020 Imprimir Conteúdo

Nesta segunda-feira, 29, a Prefeitura de Aracaju, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), recebeu seis máscaras de pressão positiva que vão auxiliar pacientes internados no Hospital de Campanha (HCamp) Cleovansóstenes Pereira Aguiar. As máscaras de mergulho adaptadas foram itens amplamente utilizadas durante o pico da doença na Itália e, diante dos bons resultados, a ideia foi adotada por alguns países, a exemplo do Brasil.

De acordo com a professora de Engenharia Elétrica do Instituto Federal de Sergipe (IFS) de Lagarto e coordenadora geral do Projeto Cuid4r, Stephanie Kamarry Alves Sousa, a ideia é utilizar o equipamento para a terapia antes mesmo do uso do respirador, utilizando como ventilação não invasiva através da tubulação de O2.

“Acreditamos que esse equipamento tem um grande potencial de salvar vidas, como já podemos ver em outras localidades do país, como Manaus, Brasília, São Paulo e Rio Grande do Sul, e nosso objetivo é ajudar a reduzir o agravamento dos casos, desafogando assim o sistema de Saúde Pública. Hoje, estamos entregando seis máscaras, mas vamos trabalhar para ampliar esse número, de acordo com a necessidade. Como trabalhamos com doações de pessoas físicas, à medida que formos recebendo mais doações, vamos adaptando e entregando para serem utilizadas diretamente pelo município”, garantiu a coordenadora do Projeto.

A secretária da Saúde de Aracaju, Waneska barboza, reforçou a importância da parceria e o papel das máscaras na ampliação dos leitos ativos do HCamp, que está prevista para ocorrer esta semana.

“O Projeto Cuid4r já é um parceiro da SMS desde o início da pandemia, quando começaram a doar ‘face shields’ para a proteção dos próprios profissionais de saúde. Agora, com essa máscara de pressão positiva, temos a possibilidade diminuir a necessidade dos pacientes evoluírem para intubação. Vamos levar esse material ao HCamp para usar nas alas em que o paciente necessita de oxigênio, evitando, desta forma, que eles precisem de transferências para a ala vermelha ou mesmo de intubação e de leitos de UTI”, salientou Waneska.

Uma vez que o material passar a ser utilizado, as equipes médicas do HCamp farão um acompanhamento do quadro dos pacientes e, caso não seja estabilizado, será iniciado o processo de intubação. “Vamos avaliar a possibilidade dos pacientes que usarem as máscaras não serem intubados. Com isso, esperamos uma recuperação mais rápida, pois quanto mais tempo dura o internamento, mais possibilidade de agravamento dos quadros existe. Se a gente conseguir reverter a situação pulmonar do paciente usando uma máscara de pressão positiva, podemos diminuir os riscos de óbitos, como os por falência de órgãos, por exemplo”, reforçou a secretária.

Mais leitos

Na semana passada, o Município recebeu uma uma liminar favorável à contratação de médicos formados no exterior, sem Revalida, mas que estão aptos a atuar.

“Iniciamos a partir desta segunda, 29, a contratação de alguns profissionais formados em outros países. Paralelamente a esse processo, recebemos um e-mail do Conselho Regional de Medicina de Sergipe (Cremese) com uma lista de 115 médicos, dos quais 59 já estariam aptos a atuar, regularizados pelo Conselho. Diante disso, entramos em contato com cada um desses profissionais, enviamos o edital de contratação e solicitamos que eles comparecessem à SMS portando toda a documentação para que pudéssemos dar andamento às contratações”, destacou Waneska.

Conforme o andamento dos dois processos, serão efetivadas as contratações e capacitações dos profissionais e, de acordo com o planejamento, até a próxima semana a gestão espera ativar os outros 92 dos 152 leitos totais HCamp. Com essa ativação, os pacientes que darão entrada pelas portas de urgência e necessitarem de leitos de retaguarda poderão ser transferidos, o que vai melhorar o tratamento ofertado à população de Aracaju.

AAN – foto Sérgio Silva

  Editoria: