Pausa para a folia

março 01 08:12 2019 Imprimir Conteúdo

O Brasil suspende as preocupações com os inúmeros problemas e entra na folia momesca. Desta sexta até a próxima quarta-feira a ordem é se fantasiar e cair na gandaia, afinal o ano só começa pra valer depois do Carnaval. Em Sergipe, blocos organizados e de lambe-sujos vão garantir a animação do período, naturalmente à base de muita ‘birita’ para aquecer os foliões. Vale à pena ter alguns cuidados para não precisar se explicar em casa na Quarta-Feira de Cinzas. Desarme o espírito, não aceite provocações e evite dirigir após encher a caveira. No mais, é se esbaldar pra valer, porque ninguém é de ferro. Então, alô, alô pessoal do alô, não se perca de mim, pois quando as pastorinhas, pra consolo da lua, vão cantando na rua lindos versos de amor, é porque já é Carnaval cidade!

Meu pirão primeiro

Nenhum dos quatro deputados federais sergipanos reeleitos (Luiz Mitidieri, Laércio Oliveira, Fábio Reis e João Daniel) abriu mão do auxílio-mudança de R$ 33.763. Segundo o portal Congresso em Foco, somente 29 parlamentares federais não aceitaram receber a grana, pois como foram reeleitos não tiveram qualquer despesa com mudança. Essa mordomia custou aos contribuintes a ninharia de R$ 16,1 milhões. Arre égua!

Boa nova

A multinacional ExxonMobil iniciou o licenciamento de 11 poços exploratórios no litoral de Sergipe. A Petrobras também recebeu licença do Ibama para instalar navio-plataforma visando testar a descoberta de Farfan, na área dos blocos exploratórios em águas profundas da Bacia de Sergipe-Alagoas. As duas liberações dão início as processos para exploração de petróleo e gás no litoral de Sergipe. Maravilha!

Unindo forças

A executiva sergipana do Partido Comunista do Brasil promoveu uma conferência extraordinária para celebrar a incorporação do Partido Pátria Livre (PPL) ao PCdoB. Com esta união, a legenda comunista ultrapassará a clausura de barreira, terá acesso ao fundo partidário e mais tempo de mídia. Realizado em Aracaju, o encontro foi preparatório para a Conferência Nacional do PCdoB, que ocorrerá em São Paulo, no próximo dia 17.

Mais Médicos

E o senador Rogério Carvalho (PT) vai debater com o ministro da Saúde, Henrique Mandetta, sobre o Programa Mais Médicos. O petista aproveitará a visita do ministro à Comissão de Assuntos Sociais do Senado, dia 17 próximo, para saber por qual motivo o governo de Jair Bolsonaro (PSL) defender o fim do programa. Como deputado federal, em 2013, Rogério foi relator da Medida Provisória que instituiu o Mais Médico.

Juntos no rádio

O deputado federal Fábio Henrique e o vereador aracajuano Jason Neto – ambos do PDT – vão apresentar o programa “Balanço Geral” na rádio Jornal/FM. Com estreia marcada para o próximo dia 11, o programa será apresentado de segunda a sexta-feira, a partir das 17h. No sábado, os irmãos pedetistas vão comandar uma edição especial do “Balanço Geral” direto das comunidades. Nem precisa dizer que, diante da bagagem profissional de Jason e Fábio Henrique, o programa será um grande sucesso. Bola branca!

Defesa da língua

Professor por formação, o deputado estadual Iran Barbosa (PT) defende a manutenção do ensino da língua espanhola nas escolas estaduais. Ontem, ele discutiu o assunto com educadores do “Movimento Fica Espanhol”. De acordo com o petista, “é preciso garantir a pluralidade da sociedade e isso passa pela pluralidade linguística”. No ano passado, o secretário da Educação, Josué Modesto dos Passos Subrinho, garantiu que não pensava em retirar a obrigatoriedade da língua espanhola das escolas estaduais. Que assim seja!

De quem é a culpa?

E o vereador aracajuano Lucas Aribé (PSB) prega que o governo seja mais transparente sobre as receita e despesa do estado. Ele defende que o debate sobre a crise econômica, agendado pelo governador Belivaldo Chagas (PSD) para o próximo dia 20, ocorra na Assembleia. Lucas aproveita para fustigar os governistas: “São 12 anos de gestão e agora a conversa é que o estado está quebrado. Quem é o culpado nessa história?”. Homem, vôte!

Violência condenada

E quem anda preocupada com o aumento de casos de violência contra as mulheres é a deputada estadual Maria Mendonça (PSDB). De acordo com o Instituto Datafolha, no ano passado, 27,04% das brasileiras sofreram algum tipo de violência. A tucana defende a união de forças para fazer os agressores de mulheres entenderem que as vítimas, em geral, são suas parceiras e mães dos filhos deles. Certíssimo!

Longe da fuzarca

Animado folião, o ex-governador Jackson Barreto (MDB) vai passar o carnaval na Disney, em Orlando (EUA). Em 2018, JB também ficou fora da fuzarca momesca, pois estava se recuperando de um estresse causado, segundo ele, pela grave crise econômica que se abateu sobre Sergipe. Este ano, Jackson está tão relaxado que, antes de embarcar para os Estados Unidos, curtiu pra valer as belezas do litoral baiano. Ah, bom!

Recorte de jornal

Publicado no jornal Folha de Sergipe, em 1º de março de 1908.

Resumo dos Jornais

  Editoria: