Parceria entre a Procuradoria da Mulher e Ciclo Fraterno possibilita a doação de absorventes

junho 03 10:11 2022

 

Dentre as diversas ações desenvolvidas em prol da efetiva participação e a defesa do direito das mulheres, a Procuradoria Especial da Mulher da Assembleia Legislativa de Sergipe (PROMU/Alese) firmou uma parceria com a Associação Ciclo Fraterno na ideia de arrecadar absorventes que serão direcionados à pessoas mestruantes (mulheres, trans, não binárias) que não têm acesso aos produtos de menstruação. A Ciclo Fraterno é uma entidade que visa o combate à pobreza menstrual em Sergipe.

De acordo com a assessora técnica da Procuradoria Especial da Mulher, Amanda Oliveira, o órgão passou a dedicar um espaço para o recebimento de doações de absorventes. “A Ciclo Fraterno disponibilizou uma caixa de recolhimento de absorventes possibilitando um ponto de coleta na sede da Procuradoria da Mulher e a partir disso, eles recolhem e efetuam a distribuição das doações. A ação ocorreu durante todo o mês de maio para dar visibilidade a iniciativa tão necessária, mas a campanha terá continuidade com o objetivo de que novas doações aconteçam tanto por parte dos servidores da Alese e público externo. Muitas jovens deixam de ir à escola por não ter absorventes no período menstrual, assim como mulheres em situação de rua vivenciam essa realidade. É muito importante divulgarmos o projeto com o intuito de que mais pessoas possam abraçar a causa”, argumentou.

A presidente da Ciclo Fraterno, Sophia Filipin, comentou sobre o surgimento do projeto e a contribuição social no processo de dignidade menstrual. “A ação partiu da perspectiva em atuar na comunidade de Nossa Senhora de Socorro e através de um diálogo com professoras do IFS Campus Socorro e a Ciclo Fraterno, pensando em algo em conjunto, foi iniciado a execução de um projeto de extensão para atuar dentro do IFS e escolas públicas da região. Já conseguimos vários parceiros que agregam bastante ao projeto como a Liga de Obstetrícia da Universidade Federal de Sergipe, um profissional da área jurídica, assistentes sociais e claro, algo que nos deixou muito felizes foi a parceria com a Procuradoria Especial da Mulher da Alese. Temos então, uma equipe multidisciplinar que irá realizar a distribuição de absorventes e promover rodas de conversas nas escolas públicas de Nossa Senhora de Socorro abordando vários temas desde os cuidados com higiene pessoal, sustentabilidade dentro do processo menstrual, violência doméstica e outros assuntos neste contexto”, afirmou.

A sede da Procuradoria Especial da Mulher, localizada na Rua Maruim Nº 47- Centro-, é um dos pontos de coleta da campanha assim como vários bairros da capital também estão dedicando um espaço para o recolhimento de absorventes. Mais informações pelo Disk Denúncia 79 9 8845-1105 ou Instagram @ciclofraterno.

Dignidade Menstrual

A Lei Nº 8.888/2021, de autoria da deputada Goretti Reis (PSD), instituiu o 28 de maio como o Dia da Dignidade Menstrual dedicado a combater o preconceito e a precariedade menstrual, garantindo que todas as mulheres possam ter acesso à absorventes e outros produtos necessários para a higiene. A data foi inserida no Calendário Oficial de Eventos do Estado. Segundo Goretti Reis, servirá para trazer à tona o debate em prol da causa, despertando o poder público sobre a importância do tema.

Foto: Joel Luiz

Por Shis Vitória

  Editoria: