Operação da Energisa descobre gato de energia de cinco anos em fazenda de Pirambu

Operação da Energisa descobre gato de energia de cinco anos em fazenda de Pirambu
março 13 08:09 2021 Imprimir Conteúdo

 

Em  2020, foram recuperados mais 136 GWh de energia desviados por ligações clandestinas

O Grupo especializado anti-perdas da Energisa Sergipe (GEAP), identificou nesta sexta-feira (12), uma fraude de energia elétrica em propriedade particular no município de Pirambu, a 44 km da capital Aracaju. Trata-se de uma ligação direta, de uma bomba de motor (100 cv) que não passa pela medição da empresa, para irrigar uma plantação de coqueiros. A ligação está há aproximadamente cinco anos sem nenhum registro de consumo. O gerente da fazenda foi conduzido à uma delegacia para prestar esclarecimentos.

O furto de energia é crime, previsto em Código Penal, no art. 155 e art. 171, com pena de até quatro anos de reclusão e multa.

Outro fator de atenção para a concessionária é o risco à segurança da população, isso porque as ligações clandestinas irregulares são feitas por pessoas que não têm conhecimento técnico, utilizam materiais inadequados e, muitas vezes, encostam na rede energizada podendo causar riscos para a rede elétrica ou acarretar acidentes. Esse risco de choque elétrico ocorre tanto para as pessoas que praticam o crime, quanto para aqueles que, de forma inocente, possam ter contato com essas ligações clandestinas.

Só no ano de 2020 foram registradas mais de 5 mil ocorrências relacionadas ao famoso “gato”, segundo o Departamento de Serviços Comerciais da Energisa, que juntas desviavam cerca de 136 GWh de energia. O suficiente para abastecer um município com até 87 mil habitantes residenciais por 1 ano.

É prudente ressaltar ainda, que a perda reflete no aumento da tarifa para o cliente regular, calculada pela Agência Nacional de Energia Elétrica, Aneel.  Segundo a Aneel, as fraudes e furtos de energia elétrica impactam o valor regulatório considerado na tarifa do consumidor. A redução das perdas não técnicas, ou seja, por fraudes ou furtos, pelas distribuidoras, traz benefícios que vão além da redução desse item na tarifa, tais como a incorporação desses consumidores no rateio de todos os custos, a redução do consumo inconsciente ou perdulário e melhorias na qualidade do fornecimento.

A Energisa atua de forma árdua no combate às perdas, realizando ações para a recuperação da energia e minimizando os prejuízos para a sociedade. “Realizar ligação clandestina é uma prática em que todo mundo sai perdendo. Sempre reforçamos que isso é crime. Além disso, isso sobrecarrega a rede elétrica e pode provocar acidentes. Precisamos combater o furto e a população tem um papel fundamental nisso, denunciando esses crimes”, afirma o Gerente de Serviços Comerciais da Energisa Sergipe, Wellington Aranha.

A identidade de quem denuncia é mantida em total anonimato. A denúncia pode ser feita pelo Call Center 0800 079 0196 (ligação gratuita) ou pelo site www.energisa.com.br em Serviços Online > Mais Serviços > Denuncie Furto de Energia.

Outros canais da Energisa

Call Center: 0800 079 0196

Site: energisa.com.br

WhatsApp (Gisa): (79) 98101-0715

Aplicativo Energisa On (disponível no Google Play ou App Store do celular)

 

  Editoria: