“Objetivo de Edvaldo é destruir a carreira do magistério de Aracaju”, diz vereadora

maio 03 05:57 2022

 

A vereadora Professora Ângela Melo (PT) voltou a repudiar, nesta terça-feira, 03/05, a postura do prefeito Edvaldo Nogueira em relação ao conjunto dos servidores públicos e, especialmente, às professoras e professores da rede pública de Aracaju.

“Eu estive ontem na Assembleia do magistério municipal e senti a indignação da categoria com a forma autoritária e desrespeitosa do prefeito. Como professora aposentada da rede municipal, também sinto isso na pele”, disse Ângela, ao questionar o anúncio do prefeito de reajuste de 5% para a categoria.

Professora Ângela Melo lembrou que a atualização do piso salarial e a valorização da carreira são obrigações de todo gestor público. “Isso significa que, ao conceder qualquer reajuste, o gestor não é bonzinho ou coisa parecida”, frisou.

A parlamentar lamentou também o desrespeito do prefeito com o processo de negociação com o sindicato representativo do magistério municipal. “É lamentável que a Prefeitura opte por não apresentar nenhuma proposta nas mesas de negociação e vá à imprensa anunciar um reajuste de 5%. Essa é uma forma de ter os holofotes sobre si próprio, mas que revela a crueldade da postura do prefeito, que tenta aplicar um verdadeiro golpe”, disse Ângela.

Fonte: Assessoria de Comunicação – Vereadora Professora Ângela Melo (PT/Aracaju)

  Editoria: