“Não se brinca com a saúde de ninguém, Edvaldo”, diz Kitty ao denunciar falta de médico há mais de um mês na UBS Amélia Leite

maio 07 07:50 2022

 

A saúde é o bem mais precioso de qualquer pessoa, um direito do cidadão assegurado pela Constituição Federal e dever dos gestores públicos em garantir e proporcionar políticas públicas eficazes e de qualidade direcionadas ao setor à sua população. Porém, em Aracaju, o prefeito Edivaldo Nogueira tem revelado que a atenção básica com a saúde dos aracajuanos não é uma prioridade da sua gestão, fato confirmado pela deputada estadual Kitty Lima (Cidadania) nesta sexta-feira, 06, ao constatar a ausência de médico há mais de um mês na Unidade Básica de Saúde (UBS) Amélia Leite, no bairro Suíssa, que também encontra-se sem diretor desde o fim do mês passado.

A denúncia da deputada Kitty Lima ocorre após a parlamentar buscar atendimento para seu irmão na unidade de saúde, localizada no bairro onde mora, na manhã desta sexta-feira. Ao chegar ao local, Kitty foi informada que não havia médico realizando atendimentos, fato que a levou buscar explicações da administração da UBS que, para sua surpresa, também está sem diretor.

“A situação da UBS Amélia Leite é um absurdo e um total desrespeito à população usuária dos serviços de saúde pública do município. Sou moradora do bairro Suissa e sempre frequentei esse posto de saúde que, para minha surpresa, está nessa completa falta de gerência por parte da gestão do prefeito Edvaldo Nogueira. Ficar sem médico há mais de um mês é rir da cara do usuário que procura a unidade para cuidar de sua saúde,  isso é inaceitável”, afirma Kitty.

“Para piorar ainda mais a situação o posto está sem diretor, isto é, além da falta de médico para atender a população, não tem profissonal para gerir uma unidade tão importante para os moradores do bairro Suíssa e região. Esse é o cuidado que Edvaldo Nogueira dá para a saúde dos aracajuanos, sem médico para atender pacientes e uma UBS sem um responsável técnico. Essa é a capital da qualidade de vida de Edvaldo Nogueira”, lamenta a deputada.

Diante de toda a situação constatada, Kitty Lima enviará ofícios à Secretaria Municipal de Saúde (SMS) cobrando explicações sobre a ausência de médico no Amélia Leite e o motivo da unidade de saúde estar atualmente sem gestor.

“Isso é um desrespeito com a população, com o contribuinte que paga seus impostos e que espera que a prefeitura faça sua parte garantindo a efetividade dos serviços básicos. Edvaldo Nogueira brinca de ser prefeito, faz promessas que não cumpre e sua administração desastrosa tem afetado diretamente e de forma negativa a vida dos aracajuanos. Não se brinca com a saúde de ninguém, prefeito, respeite o povo e vá trabalhar de verdade”, alfinetou Kitty.

Por Felipe Maceió

  Editoria: