Motoristas de Mato Grosso e Sergipe já podem vender seus veículos pela Carteira Digital de Trânsito

maio 06 16:15 2022

 

Funcionalidade permite que todo o processo comercial ocorra pelo aplicativo, com assinatura do Governo Federal e biometria facial

A venda de veículos por meio 100% digital entre pessoas físicas agora virou realidade para os motoristas dos estados do Mato Grosso e Sergipe. Pelo aplicativo da Carteira Digital de Trânsito (CDT), é possível realizar a transação comercial pela assinatura digital do Governo Federal e biometria facial, sem necessidade de reconhecer firma ou contrato em papel.

Com a adesão dos departamentos de trânsito do Mato Grosso e de Sergipe, chegou a 10 o número de unidades da Federação que oferecem a funcionalidade para os donos de veículos. Os outros são Acre, Ceará, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio Grande do Sul, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Roraima.

“O processo é seguro e ágil para todas as partes: vendedor, comprador e órgão de trânsito. Por meio da transformação digital do Governo Federal, estamos retirando mais uma burocracia desnecessária dos proprietários, simplificando a agenda de trânsito e atingindo cada vez mais pessoas”, afirmou o ministro da Infraestrutura, Marcelo Sampaio.

Como funciona

Com a venda digital, a assinatura da Autorização para Transferência de Propriedade de Veículos (ATPV-e) ocorre por meio do aplicativo CDT, disponível nas plataformas App Store e Google Play, após autorização do Detran de registro do veículo. Concluída a A funcionalidade está disponível para proprietários e futuros proprietários de veículos com documentos emitidos a partir de 4 de janeiro de 2021, data em que o antigo Documento Único de Transferência (DUT) foi substituído pela versão digital, a ATPV-e. Para que os proprietários possam usar a venda digital, os Detrans estaduais precisam aderir ao sistema.

Na palma da mão

O secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, do Ministério da Economia, Caio Mario Paes de Andrade, destacou que a venda digital é mais uma facilidade do Governo Federal, que coloca os serviços do governo na palma da mão dos brasileiros. “Vamos combater cada vez mais a burocracia e simplificar a vida da população”, acrescentou.

Ministério da Infraestrutura

  Editoria: