Mostra ‘Sergipe, aqui tem SUS’ reúne experiências de saúde exitosas

abril 28 08:56 2022

A secretária de Estado da Saúde, Mércia Feitosa, prestigiou a 3ª MOSTRA “SERGIPE, AQUI TEM SUS”, realizada nesta quarta-feira, 27, no Quality Hotel Aracaju. O evento apresenta experiências exitosas em saúde idealizadas e executadas pelos municípios sergipanos.

“Estou muito feliz com o quantitativo de municípios que trouxeram as suas experiências para esta mostra. A gente luta muito, produzimos muito, mas nós não apresentamos os resultados. Esse evento nos dá um panorama dos avanços que nós tivemos, ano a ano. Nesta terceira mostra temos um número significativo, mais municípios trazendo as suas produções. A tendência é que avancemos ainda mais nesta ação de compartilhar o que nós realizamos. Levem isso para os profissionais que, muitas vezes, não têm esse olhar, espero que este evento sirva como um impulso para trabalharmos, cada vez mais, para reverter os cenários de adoecimento, de morte, afinal,  esse é o papel da saúde”, enfatiza a gestora da Secretaria de Estado da Saúde (SES).

O secretário Executivo do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do Sergipe (Cosems), Salviano Augusto de Almeida Mariz, relatou que foram 62 projetos inscritos este ano e destacou que muitos têm a possibilidade de avançar para etapa nacional. “Foram muitos projetos de grande relevância, 27 foram classificados para a apresentação oral e os 5 melhores vão representar Sergipe no Congresso Nacional do Conasems que acontecerá em Julho em Campo Grande, Mato Grosso do Sul. Dos 5 últimos, 3 receberão premiação do Cosems em dinheiro”, destaca.

Para o secretário de Saúde de Pirambu, Ivamilton Nascimento, o evento representa uma forma de prestigiar os esforços dos gestores e trabalhadores da saúde do estado. “Esse projeto é inspirado pela Mostra Nacional do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), é um grande espaço de valorização e reconhecimento do trabalho de diversos trabalhadores da saúde que executam trabalhos dignos, que garantem acesso ao direito à saúde, este preconizado na Constituição Federal. O nosso painel apresenta o ‘Seminário de Mostra de Projetos em Saúde Pirambu, aqui tem SUS!’, o nosso é o único no território sergipano. E contamos com a  participação de técnicos do estado que trazem a Educação Permanente de forma visível e projetos de saúde exitosos que trabalham a promoção de saúde e a prevenção junto à população”, afirma com satisfação.

A capital Aracaju também está entre as selecionadas para apresentação oral. A Coordenadora Geral do Núcleo de Controle de Avaliação e Regulação da Secretaria de Saúde do município, Tina Cabral, expôs a experiência com a criação da Central de Regulação dos leitos de enfermaria no período da Covid-19, criada em plena pandemia. “Nós conseguimos fazer com que as portas de urgências fossem desobstruídas na zona norte e zona sul, qualificando o leito para o paciente que precisa do atendimento de forma equânime e regulada. Esse processo oportunizou que levássemos informações, o monitoramento dos leitos, controle adequado, subsidiando as tomadas de decisões por parte da gestão”, disse.

O Coordenador da Atenção Básica no município de Moita Bonita, Gabriel Souza, assevera que o projeto apresentado é uma inovação e se mostrou otimista em representar Sergipe na próxima etapa. “Hoje nós trouxemos uma inovação realizada no nosso município, a questão do teste do pezinho em domicílio, pois, observamos que as crianças não estavam indo à unidade de saúde no tempo recomendado pelo Ministério da Saúde, ou seja, de três a cinco dias de nascimento. E no período da pandemia, esse afastamento foi ainda maior, então, com a ida até as residências podemos evitar problemas graves para a saúde das crianças. Eu acredito que a nossa experiência exitosa pode ser um diferencial e nos levar até Mato Grosso do Sul”, fala com otimismo.

Emanuele Carvalho Hora, secretária de Saúde do município de Itaporanga D’Ajuda, também está confiante no projeto que apresentou. Nas duas mostras anteriores, a gestora conseguiu representar Sergipe em âmbito nacional e espera repetir o feito em 2022. “A nossa experiência exitosa é a Assistência Farmacêutica Ampliada, ou seja, ofertar medicamentos que a população tem necessidade, porém, não estão incluídos no componente básico, que é de responsabilidade do município, e nem no componente estratégico, que é de responsabilidade do estado. Nós fizemos a vinculação dessa população a um cadastro no Serviço Social nos baseando em uma lei municipal para pessoas com vulnerabilidade social e econômica. A partir do cadastro, analisamos e fazemos a autorização através de uma portaria da Secretaria Municipal de Saúde, ela consiste na liberação da medicação via revista ABCFARMA, que é uma farmácia credenciada. No ano passado foram 487 pessoas beneficiadas e, além dos medicamentos, a gente incluiu também suplementos alimentares. Tudo com recursos próprios do município”, salienta.

O município de Itabaianinha escolheu inscrever um projeto de Educação Permanente em Saúde. “A gente se sente honrado de estar compartilhando com todos essa experiência. O que trazemos hoje é o diferencial de uma política pública implantada em setembro de 2021. Um odontólogo com habilidade em estética formou os colegas e, a partir daí, otimizamos os nossos recursos do serviço de odontologia, passamos a ofertar a estética do sorriso para todos dentro da política do Sistema Único de Saúde”, explica Ingrid Alicia, secretária de Saúde de Itabaianinha.

Uma outra experiência de sucesso no âmbito da saúde bucal foi apresentada pelo município de Tobias Barreto. A secretária de Saúde da cidade, Maria Angélica Trindade, compartilhou as mudanças que o planejamento de ações e serviços em saúde na assistência odontológica possibilitou. “Quando chegamos ao município havia uma baixa de atendimentos odontológicos, então, aumentamos o número de dentistas e, consequentemente, o serviço foi ampliado e fizemos vários projetos, inclusive, a busca para câncer bucal. A gente saiu de uma média de 30% no número de atendimentos para 70%, ou seja, ampliamos para mais que o dobro os serviços para a população”, reitera.

Foto: Flávia Pacheco

  Editoria: