Laércio se reúne com presidente da Petrobras para tratar do Sergipe Águas Profundas

Laércio se reúne com presidente da Petrobras para tratar do Sergipe Águas Profundas
junho 07 05:17 2022

 

O deputado federal Laércio Oliveira está no Rio de Janeiro onde realizou uma reunião com o presidente da Petrobras José Mauro. Na pauta: a recente declaração de comercialidade de sete campos de exploração de petróleo e gás na bacia Sergipe-Alagoas como a “nova fronteira de produção em águas profundas do país” e as perspectivas de investimentos. Participaram da reunião também o secretário de Desenvolvimento Econômico de Sergipe José Augusto e superintendente do órgão, Marcelo Menezes.

De acordo com Laércio, o projeto é consistente com a estratégia da Petrobras de focar em ativos em águas profundas com elevado potencial de geração de valor, resiliente a cenários de baixos preços de petróleo e com baixa emissão de carbono por barril produzido. Os investimentos da Petrobras nessa nova fronteira abrirão uma série de oportunidades para a indústria e, como consequência, ampliarão a geração de empregos, impostos e tributos na região.

Outro tema da reunião foi a transferência do Polo Carmópolis, vendido pela Petrobras para a Carmo Energy. A Carmo Energy, afiliada do grupo espanhol Cobra, vai assumir a operação de 11 campos de associados à Carmópolis, em Sergipe. A transferência ainda depende da conclusão da transferência da concessão na Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). O negócio foi fechado em US$ 1,1 bilhão, sendo US$ 275 milhões como sinal; US$ 550 milhões no fechamento da transação; e US$ 275 milhões 12 meses após o fechamento.

Eles também trataram sobre a manutenção em Sergipe dos equipamentos do laboratório existente no Tecarmo.

Posse da ANP

Pela manhã, eles estiveram na cerimônia de posse de 4 diretores da Agência Nacional de Petróleo, entre os quais a sergipana Symone Araújo, que foi reconduzida ao cargo, quando tiveram a oportunidade de interagir com representantes dos mais diversos do setor de petróleo e gás.

Foto assessoria

Por Carla Passos

  Editoria: