Laércio aprova medidas adotadas pelo Governo do Estado em relação à pandemia

Laércio aprova medidas adotadas pelo Governo do Estado em relação à pandemia
março 29 10:37 2021 Imprimir Conteúdo

O deputado federal Laércio Oliveira (PP) avaliou na manhã desta segunda-feira, 29, que as medidas adotadas pelo Governo do Estado no combate à Pandemia estão corretas e são as melhores que poderiam ser adotadas neste momento. “Aqui no nosso Estado percebo e reconheço que as coisas tem sido feitas da melhor maneira possível”, disse.

Segundo ele, as decisões do Comitê Científico e de Atividades Especiais (CTCAE) provocam resultados que precisam ser avaliados mais à frente. “É preciso um tempo para saber se a iniciativa foi bem sucedida, se teve um efeito que a gente espera no número de contaminados, na queda de ocupação de leitos nos hospitais, e na busca por postos de saúde” comentou.

Laércio disse que a classe empresarial tem consciência que algo precisava ser feito e que as medidas tomadas pelo Governo são com equilíbrio e serenidade. “Claro que todo o setor produtivo está insatisfeito, por verem o seu negócio com volume de renda menor que o esperado, como o setor de turismo e de eventos, que teve uma queda considerável. A gente reconhece isso. Recentemente foi aprovado um projeto na Câmara dos Deputados em defesa desse setor por reconhecer a gravidade do momento”, pontuou.

“Os empresários têm seus negócios, suas responsabilidades e obrigações, e de repente chega ao final do mês e encontra sua receita muito aquém do que ele precisava para tocar seu negócio, então alternativas precisam ser encontradas”, frisou o deputado, ao comentar que tanto o Governo do Estado com o Governo Central tem buscado alternativas para amenizar os impactos da Pandemia no setor produtivo.

“O governo tem se desdobrado, dentro do seu orçamento, lançando programas que amenizam o impacto nesse momento tão difícil. O Governo federal também tem trabalhado nisso, temos a expectativa de duas medidas provisória que vão ajudar nas garantias de empregos e redução de  impostos, já tratei em Brasília sobre esses assuntos”, concluiu.

Fonte e foto assessoria

  Editoria: