Jornalista Carlos Ferreira vai recorrer de decisão que julgou improcedente ação contra Narcizo e a Fan FM

Jornalista Carlos Ferreira vai recorrer de decisão que julgou improcedente ação contra Narcizo e a Fan FM
maio 03 14:49 2022

 

O jornalista e radialista Carlos Ferreira, vai recorrer da decisão que julgou improcedente ação contra o radialista Narcizo Machado e a Fan FM. Na denúncia, Ferreira afirma que foi atacado em sua honra pessoal e profissional, ao ser chamado, repetidas vezes, de “capanga” e “cachorro  bravo”. “Respeito a interpretação do magistrado, mas discordo veementemente.  Penso que abre um precedente perigoso, afinal, estar a frente de um microfone, não dar o direito de ofender quem quer que seja. Imagine se todo radialista que não concorde com o comportamrnto de um homem público, tiver a liberdade e a proteção judicial para chama-lo de capanga e de cachorro. Por tudo isso, vamos recorrer, reefirma Carlos Ferreira.

O jornalista disse ainda que se sentiu ofendido e agredido,  na sua honra pessoal e profissional e  que,  há 45 anos,  exerce suas  funções seja na esfera pública ou privada, sempre com muito respeito e responsabilidade. “Não foi uma opinião expressada, mas uma ofensa desmedida, uma falta de respeito ao ser humano”, afirmou.

Carlos Ferreira citou o ministro do STF, Alexandre de Moraes, que recentemente afirmou que liberdade de expressão não pode ser confundida com liberdade de agressão. O que o rapaz fez no microfone, foi uma agressão. Vamos recorrer até a última instância” finalizou

  Editoria: