João Daniel assume compromisso com pauta apresentada por mulheres de vários movimentos

João Daniel assume compromisso com pauta apresentada por mulheres de vários movimentos
setembro 20 06:50 2018 Imprimir Conteúdo

O deputado federal João Daniel (PT) participou de Roda de Conversa com mulheres de vários movimentos sociais, juventude e de religiões de matriz africana, na noite desta quarta-feira, dia 19. O encontro aconteceu na sede do Diretório Estadual do Partido dos Trabalhadores, quando as mulheres declararam apoio à candidatura à reeleição de João Daniel. Durante o ato, as mulheres entregaram a João Daniel uma Carta Pública com uma pauta composta por várias demandas de compromissos com políticas públicas voltadas para as mulheres, para o seu futuro mandato. Entre elas, ações que dizem respeito diretamente ao seu mandato e outras para contar com seu apoio em ações que são de responsabilidade do Poder Executivo.

Na oportunidade, Gislene Reis, da direção nacional do Movimento dos Trabalhadores e Trabalhadoras Sem Terra (MST), ressaltou que a roda de conversa foi motivada por tudo que as mulheres têm vivido no atual momento político do país. A Carta foi construída por um grupo de mulheres de vários movimentos e organizações, a partir do diálogo entre suas representantes. A professora Ângela Machado fez a leitura do documento. Entre os movimentos que assinaram a Carta, o MST/SE, Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA), Movimento Camponês Popular (MCP), Movimento Organizado dos Trabalhadores Urbanos (MOTU), União Sergipana dos Estudantes Secundaristas (USES), Fórum Sergipano de Religiões de Matriz Africana, Coletivo Quilombo, Levante Popular da Juventude, Consulta Popular.

João Daniel parabenizou e agradeceu a iniciativa das mulheres na elaboração da Carta Pública, por reconhecer sua importância. O deputado ressaltou o quanto as mulheres têm sido a parcela mais atingida pelos retrocessos e prejuízos trazidos pelo golpe dado no Brasil em 2016, contra o governo da presidenta Dilma Rousseff. “Vamos levar esse documento com muito compromisso de buscar, com emendas e com orçamento, atender esses pontos da pauta”, afirmou.

Ele acrescentou também que é fundamental que a mulher tenha mais participação no PT, nos movimentos sociais e no mandato, para tanto ajudar a construir e cobrar a efetivação dessas propostas. “Meu compromisso com vocês é um compromisso de vida, de classe, de companheiros que fizeram a opção de fazer da política um instrumento de mudança”, destacou, ao ressaltar que através da política que se decide mais ou menos políticas para os cidadãos.

Adriana Lohanna dos Santos, como mulher transexual e negra – a primeira a ser eleita para um cargo de diretora no Conselho Municipal dos Direitos da Mulher de Aracaju –, fez questão de destacar o significado desse momento. “Este é um mandato onde todos os movimentos sociais e todas as mulheres estão representadas e podem participar, trocar ideias. Um mandato que pensa e pensará, sim, as políticas para as mulheres”.

Integrante do Coletivo Quilombo e candidata a deputada estadual pelo PT Taíres Santos também destacou que João Daniel é o deputado federal que tem defendido a pauta das mulheres, das trabalhadoras. “Por isso temos a missão de reelegê-lo, para que possamos estar na condição de fazer lutas e lutar por políticas públicas que nos contemplem. E sabemos que este companheiro vai poder nos representar”, disse.

Foto: Márcio Garcez

Por Edjane Oliveira

  Editoria: