Homem é condenado a 21 anos de prisão por matar ex-namorada a tiros em Socorro

Homem é condenado a 21 anos de prisão por matar ex-namorada a tiros em Socorro
maio 04 06:30 2022

 

A Justiça condenou, após júri popular ocorrido no Fórum Arthur Oscar de Oliveira Deda, na noite desta terça-feira (03), Samuel Santos a 21 anos de prisão em regime fechado por matar a tiros a ex-namorada, Sabrina Silva Lima, em janeiro de 2020.

O crime aconteceu no dia 06 de janeiro de 2020 enquanto a vítima estava na academia, no conjunto Parque dos Faróis, em Nossa Senhora do Socorro.

A sentença determinou que ele é culpado pela morte da cabeleireira, como feminicídio triplamente qualificado, devendo responder a dezessete anos, inicialmente, em regime fechado.

A defesa do condenado informou que vai avaliar a possibilidade de recorrer da sentença. Samuel já estava preso desde 2020 e havia confessado que matou Sabrina por não aceitar o fim do relacionamento.

  Editoria: