Governadores continuam a traçar estratégias para o combate à pandemia e desenvolvimento dos estados

Governadores continuam a traçar estratégias para o combate à pandemia e desenvolvimento dos estados
março 04 16:54 2021 Imprimir Conteúdo

Câmaras temáticas têm o objetivo de, conjuntamente, encontrar alternativas de desenvolvimento dos estados nordestinos, com ações de enfrentamento à Covid-19, desenvolvimento social, econômico e combate à pobreza

Na manhã desta quinta-feira, 04 de março, a vice-governadora Eliane Aquino representou o governador Belivaldo Chagas em mais uma reunião virtual do Consórcio Nordeste. Em pauta, o lançamento das Câmaras Temáticas da Saúde, Arranjos Públicos-Privados, Assistência Social, Meio Ambiente e Gestão Pública e Inovação Tecnológica.

A criação das câmaras temáticas no Consórcio Nordeste é uma inovação que tem o objetivo de, conjuntamente, encontrar alternativas de desenvolvimento dos estados nordestinos, com ações de enfrentamento à Covid-19, desenvolvimento social, econômico e combate à pobreza.

A vice-governadora Eliane Aquino comemorou a criação das Câmaras temáticas e alertou sobre a necessidade de uma atuação em rede, com foco na intersetorialidade. “Quero inicialmente parabenizar a todos os componentes do Consórcio Nordeste por mais essa iniciativa. Com toda certeza, através da união desses valorosos estados poderemos traçar alternativas de desenvolvimento para a nossa região. Ao longo dos anos e dos trabalhos realizados, percebemos o quanto as ações intersetoriais são extremamente importantes para o desenvolvimento social e econômico. Não há como desvincular a Assistência Social, por exemplo, das áreas de Saúde e Educação, haja vista que uma mesma pessoa que se utiliza de uma política pública, certamente irá precisar das outras. É um mesmo público, então para que o trabalho das gestões possa, de fato, chegar com qualidade e eficiência para a população, precisamos atuar de mãos dadas”, pontuou.

Ao assinar as portarias de instalação das câmaras, o presidente do Consórcio Nordeste e governador do Piauí, Wellington Dias, explicou como a união dos estados fortalecerá toda a região Nordeste. ”Para a implementação das câmaras e sucesso delas, vamos trabalhar, inicialmente, uma proposta guarda-chuva, que já tenha seu sucesso comprovado a partir de experiências práticas, e a partir dela novas iniciativas vão surgir, dentro do mesmo tema. Dessa forma, elegeremos diretrizes para todo o Nordeste em cada área com os olhos voltados para o avanço de toda a região. As necessidades são muitas, mas umas das nossas grandes prioridades são o combate à pandemia e a erradicação da pobreza em nossa região”, explicou o governador, que ainda estabeleceu o primeiro semestre de 2021 para a avaliação dos primeiros resultados da atuação das câmaras.

No primeiro momento, as câmaras técnicas serão formadas pela união de secretários de Estado das áreas de Saúde, Arranjos Públicos-Privados, Assistência Social, Meio Ambiente e Gestão Pública e Inovação Tecnológica, que vão tratar sobre demandas comuns à população nordestina.

Como demandas prioritárias estão: dar maior celeridade ao processo de vacinação; trabalhar na defesa do SUS; dar subsídios técnicos de cooperação para as medidas farmacológicas, insumos e equipamentos, medicamentos e vacinas, promover políticas de crescimento do Nordeste; desafogar os orçamentos públicos, garantir empregabilidade em diversos níveis; proteger biomas como a Mata Atlântica e caatinga e apoiar e criar novos espaços de conservação da biodiversidade.

Estiveram presentes no encontro virtual, os governadores e a governadora dos estados do Nordeste ou seus representantes, bem como vice-governadoras de Sergipe e Piauí, além de secretários de Estado e referências técnicas das gestões estaduais.

Fotos: Danillo França

Fotos: Danillo França

  Editoria: