Fitert cobra ao Governo Federal imunização de radialista em todo Brasil

março 23 12:03 2021 Imprimir Conteúdo

Na semana que passou, a coordenação da Federação Interestadual em Empresas de Radiodifusão e Televisão (Fitert), encaminhou ao Ministério da Saúde solicitação do cumprimento do decreto 10.288/20, do Governo Federal, que relaciona a categoria de radialistas como essencial, para serem atendidos no período de vacinação contra a Covid-19.

O referido documento defende a categoria no enfrentamento a pandemia do Covid-19, que avança no país e vem registrando casos e óbitos em profissionais no desenvolver do exercício, entendendo da necessidade de medidas eficazes para evitar o contágio e perdas de outras vidas.

“Para que a medida seja concretizada e levada a efeito com êxito, esta Federação propõe que estes profissionais sejam identificados por meio da CTPS/Contrato de Trabalho, Identidade Profissional emitida pelo Sindicato de base ou o Crachá da Empresa para a qual trabalha”, orientou em documento elaborado e encaminhado pela coordenação da Fitert, que tem à frente Jailson Gomes de Oliveira.

O encaminhamento, via e-mail para o Ministério da Saúde, foi feito mediante solicitações das entidades estaduais, entre elas, o Sindicato dos trabalhadores de Empresas em Rádio e Televisão de Sergipe (Sterts).

Da assessoria

  Editoria: