“Fechamento da Fafen é desumano e humilhante”, reage Valadares

“Fechamento da Fafen é desumano e humilhante”, reage Valadares
março 20 15:14 2018 Imprimir Conteúdo

O senador Antonio Carlos Valadares  (PSB) manifestou repúdio e indignação ao anúncio do Governo Federal de que irá paralisar as atividades da Fafen -Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados de Sergipe.

Além de postagens críticas no seu perfil no microblog Tweeter, o senador,  que retorna ao mandato após período de licença do Senado Federal, concedeu  entrevista ao radialista George Magalhães, na Fan FM, na manhã desta terça-feira (20).

“Desativação da Fafen é uma decisão desumana contra os trabalhadores e humilhante ao governador do Estado,  Jackson Barreto, que é do MDB”.

Valadares convocou a união da classe política em defesa dos interesses do povo sergipano. “Sou adversário político do governador Jackson Barreto. Mas, nesta questão, sou solidário e me somo a ele. Precisamos unir esforços. Esta decisão não ficará impune”, reagiu o senador.

Ele também lamentou o desrespeito federal à autoridade do líder do governo no Congresso Nacional, deputado federal André Moura ( PSC), que também foi  surpreendido pelo anúncio. ” É claro que se tivessem ouvido André, ele não aceitaria, ele diria: não!”.

Eleições –  Provocado pelo radialista, Valadares  reafirmou que o presidente do PSB/SE é o  deputado federal Valadares Filho, a quem cabe se manifestar publicamente sobre o processo eleitoral de 2018, respeitando a decisão colegiada do partido, que decidiu só tratar do assunto a partir do próximo mês de abril.

Da assessoria Gabinete Senador Antonio Carlos Valadares

  Editoria: