Educação Sergipe divulga pesquisa realizada com estudantes das escolas-piloto do Novo Ensino Médio

junho 24 07:41 2020 Imprimir Conteúdo

Questionário foi disponibilizado de forma online e obteve resposta de 4.331 estudantes

A Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura, por meio do Departamento de Educação/Serviço de Ensino Médio (Seduc/DED/Semed), torna pública a pesquisa quantitativa realizada com os alunos matriculados nas escolas-piloto do Novo Ensino Médio em Sergipe. Levantamento que obteve respostas de 4.331 alunos, no período de 12 de agosto a 8 de setembro de 2019, tem como finalidades fazer um panorama detalhado da modalidade na rede estadual de ensino, implementado em 169 unidades, com foco nos anseios dos jovens sergipanos em relação ao ensino, sobretudo a validação de um documento referencial para a construção do Currículo de Sergipe, etapa Ensino Médio.

Ao todo, representantes de 38 escolas em 28 municípios participaram da pesquisa. Setenta e três por cento dos respondentes têm de 15 a 17 anos de idade. Ainda de acordo com o levantamento, 52% dos estudantes estão no 1º ano do Ensino Médio; 35%, no 2º; e 13%, no 3º. Destes, 46% já repetiu algum ano e 5% já deixou de frequentar a escola por um ano ou mais. A pesquisa também traz dados a respeito da aprendizagem no percurso escolar, organização da sala, ambiente, modalidade e turno, bem como questionamentos sobre as ações da escola, papel da escola no ensino médio, Projeto de Vida e Protagonismo Juvenil.

Segundo a diretora do DED, professora Ana Lúcia Lima, para a construção do Currículo de Sergipe – Ensino Médio, ouvir os atores que serão mais impactados com sua implementação a partir de 2021 é primordial. “Na etapa de Consulta Pública esperamos ter participação dos professores, gestores e demais profissionais da educação, mas além desse público é importante ouvir o que os jovens têm a dizer. A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e o Novo Ensino Médio colocam o estudante no centro do processo de ensino-aprendizagem. O resultado da pesquisa foi muito rico e tem sido um referencial importante para a construção do Currículo de Sergipe, sobretudo no que se refere às definições sobre Projeto de Vida e Itinerários Formativos das áreas de conhecimentos e Formação Técnica e Profissional”, disse.

Professora Isabella Santos, coordenadora do Semed, destaca que o novo ensino médio representa um movimento que preconiza a escolha do estudante. Para tanto, fez-se necessário identificar os anseios dos jovens sergipanos matriculados no ensino médio. Dentre as perguntas, os alunos puderam responder qual é a melhor forma de aprender, quais suas metas, qual é o tipo de avaliação que ele acha mais interessante. “Estes são alguns questionamentos da nossa pesquisa para os quais obtivemos respostas de mais de quatro mil estudantes da rede estadual. Então o objetivo dessa escuta é socializar com a comunidade o que boa parte dos estudantes almeja em relação ao novo ensino médio”.

Acesse o resultado final da escuta por meio do link:

https://bit.ly/3hQBz5k

Assessoria de Comunicação da SEDUC

  Editoria: