Eduardo Amorim afirma que programas que gerem emprego e renda são a saída contra a fome 

Eduardo Amorim afirma que programas que gerem emprego e renda são a saída contra a fome 
junho 01 15:04 2022

 

O pré-candidato a senador Dr. Eduardo Amorim (PL) usou as redes sociais para demonstrar toda a sua indignação sobre os dados divulgados que foram destaque nacional de 2021. Segundo pesquisa da Fundação Getúlio Vargas (FGV), cerca de 36% dos brasileiros não tiveram condições para se alimentar ou prover alimento à sua família.

Entre os mais carentes, a insegurança alimentar atinge 75% da população, a insegurança alimentar é maios entre as mulheres chegando a atingir 47%, enquanto os homens ficam com 26% desta realidade.

Para Eduardo Amorim, esse é mais que um dado estatístico, mas uma grave situação social. “Um número recorde que mostra a enorme responsabilidade da classe política. Não podemos ficar omissos enquanto mais de um terço dos brasileiros têm dificuldades para se alimentar. Estamos falando do básico para a sobrevivência humana”, ressalta.

“É preciso agir com urgência. Precisamos de programas que gerem emprego e distribuição de renda, com estímulo à agricultura familiar, ao setor produtivo e de políticas sociais que atendam os mais vulneráveis. Nosso maior compromisso é reverter esse quadro com políticas sociais e crescimento econômico”, pontua Amorim.

Por Assessoria de Comunicação

  Editoria: