De olho nas mordomias

De olho nas mordomias
abril 24 08:22 2019 Imprimir Conteúdo

Faltando mais de 18 meses para as eleições, centenas de políticos já estão de olho nas 75 prefeituras de Sergipe. Por que tanto interesse, se os atuais prefeitos vivem chorando miséria? De pires nas mãos, muitos gestores não conseguem nem pagar a folha de pessoal em dia. Ora, e por que tanta gente quer se submeter a tamanho sacrifício? A maioria dos pré-candidatos está interessada mesmo é nas regalias do cargo. Entre elas estão um salário que varia entre R$ 20 mil e R$ 30 mil, diárias, verba de representação, carro com motorista, conta do celular paga e passagens aéreas para viajar até mesmo a passeio. Mas não é só isso: o prefeito ainda pode aboletar na administração municipal a família toda, a rapariga e, se for safado, meter a mão grande nos recursos públicos. Portanto, fique de olho nos pré-candidatos que andam prometendo transformar sua cidade num pedacinho do paraíso. Eles estão interessados mesmo é nas mordomias que o cargo oferece. Crendeuspai!

Agora vai

O senador Alessandro Vieira (Cidadania) quer ver os ministros Dias Toffoli, e Alexandre de Moraes bem longe do Supremo Tribunal Federal. E para tanto já protocolou um pedido de impeachment para os dois togados. Entre as justificativas para pedir o impedimento, estão o inquérito autorizado por Toffoli para investigar fake news e a censura imposta por Moraes a uma revista e um site. Homem, vôte!

Cabo eleitoral

Bem tratado pelo prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB), o ex-governador Jackson Barreto (MDB) quer vê-lo reeleito em 2020. Seguindo o discurso do comunista, JB diz ser precipitado discutir agora a sucessão de Aracaju. Também rechaça uma possível candidatura do Partido dos Trabalhadores: “Ninguém nega o protagonismo do PT no Nordeste, mas em Aracaju há um outro perfil”, discursa. Danôsse!

Até que enfim!

Foi preciso acontecer um pega pra capá no plenário para a Câmara de Aracaju instalar a sua comissão de ética. Composta pelos vereadores Manuel Marcos (PSDB), Lucas Aribé (PSB) e Pastor Alves (PSD), a comissão vai apurar se o vereador Cabo Amintas (PTB) feriu o decoro parlamentar. Na semana passada, o petebista disse o diabo ao vereador Vinicius Porto (DEM) e só não deu uma surra porque o demista ficou caladinho. Cruzes!

Boquinha criticada

E o ex-deputado federal Valadares Filho (PSB) não perde de vista o governador Belivaldo Chagas (PSD) e o prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB). Segundo ele, continua sem limites “o sistema da turma da boquinha montada por Jackson Barreto no governo e na Prefeitura de Aracaju”. As criticas de Vavazinho se fundamentam em recentes nomeações de protegidos de JB nos governos de Sergipe e da capital. Marminino!

Preso político

A condenação política do ex-presidente Lula (PT) está cada vez mais evidente. Esta afirmação foi feita pelo senador Rogério Carvalho (PT) logo após o Superior Tribunal de Justiça ter reduzido a pena do “Barba” de 12 anos para pouco mais de oito anos. Segundo Carvalho, o STJ já reconheceu os excessos praticados contra o ex-presidente: “falta agora o reconhecimento da inocência dele”. Vixe!

Bem na fita

Com o título “De Sergipe para a Sapucaí”, o jornalista Ancelmo Gois publica, hoje, em O Globo a seguinte nota: “O enredo do ano que vem da Império da Tijuca, escola da Série A do carnaval carioca, será ‘Quimeras de um eterno aprendiz’. Contará a história do pedreiro sergipano Evando dos Santos, 59 anos, o Carteiro Literário. Morador da Vila da Penha, no Rio, Evando recolheu 55 mil livros do lixo e criou a Biblioteca Comunitária Tobias Barreto, cujo prédio tem projeto de Oscar Niemeyer (1907-2012), de 2008”. Que legal!

Sangue novo

O advogado Armando Batalha Júnior (PPS) é o mais novo vereador de Aracaju. Ele tomou posse ontem, em substituição ao Palhaço Soneca (PPS), que estará de licença médica pelos próximos quatro meses. Em seu primeiro discurso, o novo parlamentar se colocou à disposição “para contribuir no quer for possível nessa gestão”. Armando vem a ser primo do vereador Elber Batalha Filho (PSB), de quem espera orientação sobre as atividades na Câmara. Ah, bom!

Saúde largada

A Unidade de Saúde Anália Pina, no bairro Almirante Tamandaré, em Aracaju, está abandonada. Segundo o vereador Jason Neto (PDT), a unidade carece de médicos, o ar refrigerado está quebrado e a obra da estrutura física paralisada. O pedetista levou o caso à secretária da Saúde, Waneska Barbosa, que prometeu sanar os problemas. Aguardemos, portanto!

Ficou pra depois

Ficou pra depois a sonhada liberdade do prefeito afastado de Lagarto, Valmir Monteiro (PSC). Ontem, quando o julgamento do recurso em favor dele estava empatado no Tribunal de Justiça, a desembargadora Ana Lúcia pediu vistas. Preso desde fevereiro, sob a acusação de improbidade administrativa, Valmir torce que o seu pedido de liberdade seja julgado na próxima sessão do TJ, marcada para terça-feira. Então, tá!

Recorte de jornal

Publicado no jornal aracajuano O Nordeste, em 31 de dezembro de 1946.

Resumo dos Jornais

  Editoria: