Copa da Amizade chega a final com apoio da Sejesp

Copa da Amizade chega a final com apoio da Sejesp
junho 11 06:34 2018 Imprimir Conteúdo

 

O campeonato que começou em outubro de 2017, com a participação de 24 times, foi cenário de uma disputa acirrada pelo título. Na tarde desse domingo, 10, o campo do Barrozão, no Augusto Franco, foi palco do desfecho dessa competição, que contou com o apoio total da torcida dos dois times finalistas, Uberaba e Ypiranga.

Há duas edições, o evento conta com o apoio da Secretaria Municipal da Juventude e do Esporte (Sejesp), que visa multiplicar a prática esportiva como ferramenta de valores como o respeito e o compromisso. E esse ano não poderia ser diferente, em clima de festa, a última partida contou com a participação da Secretaria.

“Prestamos apoio enquanto secretaria e fizemos a ponte com os outros órgãos, intermediando essa colaboração. Como por exemplo a Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb), onde conseguimos toldo e banheiro. Apoiamos com a logística, auxiliamos no cerimonial desse grande jogo”,  disse o coordenador de lazer e eventos da Sejesp, Hélio Neto.

Para quem vê o sucesso dos jogos, nem imagina o desafio que o organizador Kleber Oliveira enfrentou.  A Copa surgiu a partir de um torneio entre amigos, mas ganhou proporções maiores. O que era uma brincadeira entre quatro times apaixonados por futebol, cresceu e já em sua primeira edição foi sucesso de participantes. Para surpresa de Kleber, o número de times triplicou. “A copa tem uma grande história. A realidade é que tudo começou com jogos entre grandes amigos. Mas eles queriam mais, então comecei a organizar e quando vi já tinham 12 times. E foi onde surgiu a copa, foi uma organização bacana. Em seguida fomos para a segunda edição, onde a Sejesp participou e hoje é o maior apoio que eu tenho. Eles disponibilizam o campo para semifinal e final” contou.

A disputa não foi fácil, mas por 3 a 1, o Uberaba ficou com o título. Além do troféu, o time vencedor foi premiado com o valor de R$ 2.500. Já o time vice-campeão, ficou com o prêmio de R$ 1.500.

Para o treinador Manoel Marcio, mais conhecido como Marcinho, estar na final é resultado do trabalho e da união em equipe. “A participação do time foi sólida, com compromisso, dedicação e responsabilidade por parte de todos os jogadores, comissão técnica e de todos que fazem a família Uberaba. E quando temos tudo isso, somado à dedicação, surgem os bons resultados. Acredito que é uma competição importante, onde inclui as mais diversas classes sociais, e no tocante ao nosso time, essa competição esta sendo especial pois através dela estamos homenageando nosso patriarca, o fundador da nossa equipe, o inesquecível senhor Aquino, merecedor de todas as nossas homenagens”.

O técnico do Ypiranga, Carlos André dos Santos, celebrou mais uma participação na Copa da Amizade e acredita que campeonatos como esse revelam novos valores. “Foi emocionante participar dessa grande competição, principalmente, podendo divulgar com orgulho o esporte da nossa cidade Riachuelo, mostrando que temos grandes jogadores e com qualidade técnica” pontuou.

Fonte e foto assessoria

  Editoria: