Coordenador de invasão grava áudio e alerta aos demais sobre delação de “Buiú”

dezembro 03 15:00 2019 Imprimir Conteúdo

Na manhã desta terça-feira, 03, o vereador Cabo Amintas (PTB) utilizou a Tribuna da Câmara Municipal de Aracaju (CMA) para mostrar a repercussão de suas denúncias sobre as invasões da Mangabeira.

Amintas iniciou seu discurso comentando que sofreu um pico de pressão durante a madrugada e foi atendido no Hospital Nestor Piva, sem ser reconhecido. Percebeu algumas falhas que precisam ser melhoradas por lá e prometeu voltar para fiscalizar.

Depois, continuou mostrando um áudio de aplicativo de WhatsApp que recebeu como relato da repercussão de suas denúncias contra os líderes de invasões de terras na Mangabeira. Um deles, já identificado como “Buiú”, funcionário público da prefeitura de Aracaju. Na mídia, é possível ouvir claramente que um dos coordenadores avisa a outros que devem parar de falar sobre Buiú e as denúncias feitas por Cabo Amintas, ou todos os outros envolvidos no esquema podem ser delatados por Buiú.

“Buiú já me avisou que se continuarem a falar mal dele, vai colocar o nome de todo mundo no ‘bagulho’. Sabemos que tem coordenador envolvido no mesmo problema que ele, então segure as pernas porque se ele botar o nome, não vai ser o único a cair. Se ‘bater as ideias’ do que alguns fizeram aqui na Mangabeira lá no Ministério Público vai se arrebentar mais do que Buiú”, declarou um dos coordenadores envolvidos.

Por fim, Amintas comentou que continuará com as denúncias e já alertou a outros envolvidos no esquema de invasão de terras. “Percebam a preocupação com as denúncias que fiz. E vou avisar que temos dois vereadores dessa Casa que deveriam colocar as ‘barbas de molho’ por causa do envolvimento com aquela invasão. São dois que estão brigando lá dentro pelas lideranças e está rolando dinheiro. Vamos levar tudo para o Ministério Público, porque estão oferecendo cargos públicos para os invasores e isso é dinheiro público. Aguardem, porque essa reeleição vai dar trabalho quando as ‘bombas’ começarem a surgir”, expôs.

Fonte: Assessoria de imprensa do vereador Cabo Amintas

  Editoria: