Conselho de Saúde discute Complexo Regulatório Estadual de Sergipe

junho 01 13:57 2022

Toda última terça-feira do mês o Conselho Estadual de Saúde de Sergipe (CES/SE) reúne seus respectivos membros e convidados para debater temas pertinentes ao Sistema Único de Saúde (SUS). Na última terça-feira, 31 de maio, no auditório da Fundação Estadual de Saúde (Funesa), o CES/SE discutiu sobre o Complexo Regulatório Estadual de Sergipe e sobre outras pautas como a organização da 4ª Conferência Estadual de Saúde Mental (4ª CESM) durante a 256ª Reunião Ordinária.

A médica e coordenadora do Complexo Regulatório Estadual da Secretaria de Estado da Saúde (SES), Pollyanna Cardoso, fez uma apresentação e explicou o que significa este Complexo. Segundo ela, não se resume a apenas ser a regulação de leitos, é o processo inteligente de organização entre a demanda, que é sempre maior, e a oferta e consiste em uma ação social.

“É um desafio explicar o Complexo, pois a Regulação é um processo que está inserido em todos os pontos da Atenção à Saúde e basta que a gente compreenda que regulação é você ter que articular a demanda e a oferta, porque os recursos são escassos, para que o usuário tenha a melhor assistência possível”, enfatizou.

Pollyanna explanou que a Política Nacional de Regulação do SUS é dividida em três: Regulação de Sistemas de Saúde; Regulação da Atenção à Saúde; e a Regulação do Acesso. A Regulação do Acesso à Assistência abrange a regulação médica, e o acesso é baseado em protocolo, classificação de risco e critérios clínicos de classificação.

Como o CES/SE é formado por 50% de representantes do Segmento Usuário do SUS, eles queriam explicações mais detalhadas sobre a regulação de leitos, principalmente de Unidades de Terapia Intensiva (UTI). Ela explicou que existem seis centrais de regulação de acesso e uma delas é a Central de Regulação de Leitos (CRL) que tem convênio ou contrato com diversas unidades hospitalares de Sergipe e disponibilizam 156 leitos de UTI adultos e 16 de UTI pediátrica. Houve muitos questionamentos e a coordenadora, que já foi médica da Regulação, respondeu a todos.

4ª Conferência de Saúde Mental

A organização da 4ª CESM também foi discutida. A Conferência vai acontecer em 13 de julho e haverá uma reunião da Comissão Organizadora na próxima sexta-feira, 3 de junho, na sede do CES/SE, para definir os detalhes.

Ainda durante a reunião, a secretária executiva do CES/SE, Cicy Bezerra, apresentou a nova conselheira estadual do Movimento Internacional da Paz, Tiguça Barbosa e disse que houve alteração dos membros representantes do Sindicato dos Médicos, o conselheiro Argemiro Macêdo passa a ser titular e o novo conselheiro suplente é Brunno Goes.

Por Gleydiomar Souza Góis (CES/SE)

  Editoria: