Conluio sobre rodas

Conluio sobre rodas
agosto 19 09:02 2020 Imprimir Conteúdo

Por Adiberto de Souza

Quer apostar uma mariola como uma das principais promessas dos prefeituráveis será a de que vão promover a licitação do transporte coletivo da Grande Aracaju? Nas campanhas passadas, esta foi a ladainha dos candidatos, porém quando eleitos nenhum honrou com o prometido nos comícios. Diante disso, é justo indagar que tipo de relação há entre as empresas e os prefeitos, para que essa concorrência pública nunca ocorra? A resposta a estas questões talvez esteja nos financiamentos das campanhas eleitorais. Há quem afirme, inclusive, que os aracajuanos continuam sendo transportados como sardinhas em latas, graças ao compadrio existente entre a classe política e as empresas de ônibus. Sendo isso verdade ou não, o certo é que, desde a campanha eleitoral de 2008, o prefeito Edvaldo Nogueira (PDT) vem prometendo fazer a concorrência do transporte coletivo. Ainda não fez, porém, para tentar se reeleger, esta deverá ser, novamente, uma de suas principais promessas na disputa eleitoral que se avizinha. Duvida?

Audácia da pilombeta

O pré-candidato a prefeito de Aracaju, Lúcio Flávio (Avante), precisa trocar de óculos com urgência. Tivesse com a visão em ordem o gajo não teria dito que “dentre os prefeituráveis atuais, não vejo outro de direita a não ser eu”. Será que Lúcio tem conhecimento das pré-candidaturas de Georlize Teles (DEM), Paulo Márcio (DC), Rodrigo Valadares (PTB), Danielle Garcia (Cidadania), etcétera e tal? O avantista também jura de pés juntos que “a direita é muito unida”. Tomara que ele não diga isso e otras cositas más, muito próximo do empresário bolsonarista João Tarantella (DEM). Corre o risco de levar uns catiripapos. Danôsse!

Página fake

A coluna publicou, ontem, que a Prefeitura de Socorro ainda estava divulgando em seu site oficial notícias da administração, afrontando a legislação eleitoral. Na verdade, fomos enganados por uma página falsa daquela Prefeitura. Ao ser informado do crime cibernético, o secretário de Comunicação, Carlos Ferreira, prometeu denunciar o mequetrefe dono da página fake visando retirá-la do ar o quanto antes. Portanto, assim como as demais prefeituras, a de Socorro também suspendeu a divulgação de notícias no site oficial desde sexta-feira da semana passada. Está feito o reparo!

Novo normal

Após meses fechados por causa da Covid-19, bares e restaurantes de Sergipe estão reabrindo nesta quarta-feira. Localizados no centro de Aracaju, os mercados Antônio Franco e Thales Ferraz também foram reabertos ao público hoje cedo. Espera-se que os comerciantes respeitem as orientações sanitárias e não permitam aglomerações de clientes, para evitar a propagação do coronavírus. A esperança é que a pandemia continue reduzindo seu alcance em Sergipe, como a Secretaria Estadual da Saúde tem constatado. Oremos!

Deixou a UTI

O prefeito de Carira, Arodoaldo Chagas, o “Negão” (PSC), foi transferido, ontem, da UIT para um apartamento do Hospital São Lucas, em Aracaju. O líder político sofreu um infarto, sábado passado, tendo sido transportado ás pressas de sua cidade para a capital. Satisfeitos com o quadro estável do prefeito, os médicos estão avaliando quando o submeterão a uma cirurgia cardíaca. Saúde “Negão”!

Intruso na festa

Adversários do deputado federal Fábio Reis (MDB) tiraram maior onda com a presença dele na comitiva do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Desde o aeroporto de Aracaju, Fábio permaneceu ao lado do capitão de pijama, motivo que levou seus adversários a postarem montagens denunciando “o intruso” ao presidente. Entre outras coisas, lembravam que o deputado lagartense votou em Fernando Haddad (PT) para presidente da República. Misericórdia!

Marcação pesada

O que não tem faltado nesta pré-campanha eleitoral de Aracaju é fiscalização. Além da Justiça e do Ministério Público, os prefeituráveis também usam seus assessores jurídicos para marcar os passos dos adversários. Os advogados de prefeito Edvaldo Nogueira (PDT) são os mais atarefados. A ordem do pedetista é, ao menor sinal de exagero, acionar o crítico judicialmente. O último alvo de Edvaldo foi o pré-candidato Paulo Márcio (DC), inocentado da acusação pelo poder judiciário. Aff Maria!

Eleitor não é gado

Alguns políticos ainda pensam que o eleitor é gado, que pode ser colocado em um curral. Com a proximidade das eleições, temos assistido reações daqueles que se acham ofendidos porque seu reduto está sendo cortejado por outras lideranças. Aliás, quem acusa ‘A’ ou ‘B’ de comprar votos está, na verdade, agredindo os cidadãos, que não podem continuar sendo confundidos com bois em fase de engorda para serem abatidos no dia da eleição. Vixe!

Posição dúbia

O PT jura que se afastou do prefeito Edvaldo Nogueira (PDT) porque este se bandeou de mala e cuia para a direita. A turma da estrelinha diz que, diante desse comportamento do pedetista, o PT optou em romper a aliança e lançar candidato próprio à Prefeitura de Aracaju. Chama a atenção, contudo, o silêncio dos petistas sobre o governador Belivaldo Chagas (PSD), um aliado que não apenas transita à vontade na direita, como faz rasgados elogios ao governo Bolsonaro. Claro que as línguas feridas espalham maldosamente que a diferença entre Edvaldo e Belivaldo são os cargos que o PT tem no Estado. Marminino!

Convite ao trabalho

E o ex-senador Eduardo Amorim (PSDB) voltou a criticar no deputado estadual Rodrigo Valadares (PTB). O tucano começa dizendo que, “infelizmente, ainda temos que conviver em Sergipe com políticos blá-blá-bla, desocupados e incoerentes, tal qual Rodrigo Valadares que só sabe falar da vida alheia e nada faz pelo povo”. Amorim lembra que em 2018 o deputado petebista defendeu Lula (PT), porém hoje se diz bolsonarista de carteirinha. “Haja óleo de peroba para tamanha cara de pau. Vá trabalhar, rapaz, o povo te paga bem pra isso”, aconselha o ex-senador. Home vôte!

Recorte de jornal

Publicano no jornal Folha de Sergipe, em 19 de novembro de 1895.

  Editoria: