Clóvis: Gilmar nunca foi candidato 2 vezes no mesmo partido

outubro 09 17:46 2019 Imprimir Conteúdo

Ainda não está definido em qual agremiação partidária o deputado estadual Gilmar Carvalho, ainda PSC, deverá ingressar para poder disputar a prefeitura de Aracaju em 2020, já que segundo ele, “só Deus me impedirá de ser candidato”.

Quando a sua saída do PSC, até o momento tudo está indefinido, isso por conta de o deputado já ter dado entrada junto ao Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE/SE), informando que pretende deixar o PSC, alegando ser tratado com descaso pela direção do partido em Sergipe.

Com a decisão de deixar o PSC, Gilmar Carvalho poderá criar um grande problema. Essa é a opinião do articulista político, Clóvis Silveira que na manhã desta quarta-feira (09) demonstrou estar contrariado com o desejo de Gilmar deixar o partido. “Eu conversei com Gilmar quando ele me pediu apoio e disse que seria candidato. Ai de repente eu começo a ver nota publicado por ele no seu blog dizendo que vai sair. Nesse encontro eu disse que ele precisava mudar. Disse que ele era muito eu”, afirmou Clóvis em entrevista aos radialistas Kleber Alves e Alex Carvalho, no Inove Noticias.

Ainda sobre Gilmar, Clóvis afirmou que a saída dele poderá lhe trazer sérios problemas e explicou. “Ele tem que se responsabilizar pelo que vai fazer. Assumimos compromisso mas ele mudou e diz que está sendo prejudicado e isso não é verdade. Veja, Gilmar nunca foi candidato duas vezes no mesmo partido”, disse.

Clóvis comentou ainda sobre as eleições de 2020 em Aracaju, afirmando que o PSC deverá lançar 36 candidatos que já teriam demonstrado disposição em disputar a eleição para vereador de Aracaju e fez uma observação: “para proporcional, já temos a chapa pronta e temos 36 pré-candidatos a vereadores”, informou Clóvis.

Ainda sobre candidatura a vereador, Silveira disse que está conversando com o atual vereador Fábio Meireles e que “ele deve mesmo vir para o PSC. Fábio é nosso aliado do PPS e deve vir para o nosso agrupamento”.

Sobre o número de vereadores eleitos no próximo ano em seu partido, Clóvis disse acreditar que “teremos dois mais votados e poderemos fazer até quatro vereadores”, disse, explicando que para se eleger vereador em Aracaju, o candidato precisará ter em torno de 2.200 votos.

Com informações do inove Noticias, na Liberdade FM

  Editoria: