Candidaturas de Fábio Costa e Bernardo Lima são oficializadas à prefeitura de Arauá

Candidaturas de Fábio Costa e Bernardo Lima são oficializadas à prefeitura de Arauá
setembro 15 05:20 2020 Imprimir Conteúdo

 

Os partidos PT, PSB, Republicanos e Solidariedade de Arauá oficializaram neste domingo (13) a chapa formada pelo ex-vereador e advogado Fábio Costa, como candidato a prefeito, e do ex-vereador Bernardo Lima, como candidato à vice. O lançamento ocorreu na Câmara Municipal de Vereadores e contou com as presenças dos filiados, da ex-prefeita Dona Ana, dos candidatos ao cargo de vereador, simpatizantes e do senador Rogério Carvalho (PT).

Durante o evento, Fábio Costa agradeceu a presença de todos e ressaltou que pretende lutar para potencializar o comércio, resgatar a geração de emprego e renda, bem como a valorização do homem do campo e criação de projetos de inclusão social. “Nós queremos uma Arauá da valorização da saúde, da educação e da ação social. Uma das grandes metas é a geração de emprego e renda”, completou.

O candidato a vice-prefeito, Bernardo Lima, discursou também em prol das desigualdades sociais e fez questão de destacar a presença do público, que foi prestigiar a oficialização das chapas de livre e espontânea vontade. “Chegamos aqui de uma forma democrática, não teve acomodação política, não teve acomodação forçada por ninguém”.

A ex-prefeita Dona Ana, em sua fala emocionada, agradeceu aos munícipes e a Bernardo Lima por apoiarem o projeto de Fábio. “Sintam-se todos abraçados por Dona Ana, o meu carinho é enorme por vocês. Aqui, quero desejar boa sorte a todos os pré-candidatos ao cargo de vereador e que realizem o desejo de vocês. Ao pré-candidato a vice-prefeito, meu muito obrigada por dar essa força ao meu filho”.

“Ele representa uma administração que mudou bastante a vida do povo de Arauá, que foi a de Dona Ana. E eu tenho certeza que, a volta deles a administração, vai devolver ao município o sentimento de paz, de liberdade e harmonia que se perdeu nos últimos tempos. As famílias querem ter um alento e precisam ser acolhidas, acredito que com eles isso vai voltar”, explicou o senador Rogério Carvalho.

Fonte e foto assessoria

  Editoria: