BNB e parceiros programam alocação de recursos do FNE para Sergipe em 2020

setembro 16 09:08 2019 Imprimir Conteúdo

 

O Banco do Nordeste promove amplo diálogo com entidades parceiras e representantes dos setores produtivos de Sergipe, para programar a alocação de recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) para 2020. A reunião será realizada amanhã (17), às 9h, no auditório do Sebrae, localizado na Av. Tancredo Neves, 5500, Bairro América, em Aracaju.

O evento é promovido anualmente em toda a área de atuação do BNB, que inclui todos os estados do Nordeste e Norte de Minas Gerais e do Espírito Santo, e segue diretrizes e orientações gerais do Ministério do Desenvolvimento Regional, do Conselho Deliberativo da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene) e dos Planos Plurianuais Estaduais, dentre outros normativos.

A programação leva em conta ainda preceitos legais de alocação mínima de recursos no Semiárido e de acordo com o porte do cliente, garantindo crédito para as regiões menos favorecidas e para os mini e pequenos empresários e produtores rurais.

FNE

O FNE é uma conquista regional obtida na Constituição de 1988, que destina 1,8% do produto da arrecadação dos impostos sobre renda e proventos de qualquer natureza e sobre produtos industrializados para aplicação em programas de financiamento aos setores produtivos da área de atuação da Sudene. O Banco do Nordeste é o gestor do Fundo, principal fonte de recursos para financiamento aos empresários e produtores rurais da Região, visando minimizar as diferenças entre Nordeste e Sul/Sudeste.

Ano passado, o BNB aplicou mais de R$ 1 bilhão com recursos do FNE em Sergipe, o dobro do valor contratado em 2018. No primeiro semestre deste ano, os contratos realizados no estado com recursos do Fundo somaram R$ 500,1 milhões, um aumento de 39,6% em relação ao mesmo período de 2018.

Programação FNE 2020

Quando: 17 de setembro, às 9h.

Onde: Auditório do Sebrae – Av. Tancredo Neves, 5500, Bairro América – Aracaju.

Banco do Nordeste

  Editoria: