Atletas do projeto social A Escola vai ao Batalhão de Choque participam de Festival de Judô

Atletas do projeto social A Escola vai ao Batalhão de Choque participam de Festival de Judô
agosto 26 09:40 2019 Imprimir Conteúdo

A ação social proporciona a prática gratuita do judô para crianças em situação de vulnerabilidade social

Atletas do projeto social “A Escola vai ao Batalhão de Choque” participaram do “Festival de Judô”, do Colégio Master. O evento ocorreu nesse sábado, 24, em Aracaju.

Os alunos do projeto social da Polícia Militar do Estado de Sergipe e do Sesi tiveram a oportunidade de participar do festival com atletas de três a dez anos. O projeto social participou com 49 crianças, formando a maior delegação do evento.

Na ocasião, os atletas abrilhantaram o festival com excelentes resultados. Talentos, frutos do trabalho da equipe e do interesse das crianças, foram observados pelos professores e pela comissão técnica do colégio.

Para o coordenador do projeto, cabo Élvio Marcelo, essa é mais uma oportunidade que os atletas têm para mostrar seus talentos. Ele ainda ressaltou que a grande meta do projeto é a inclusão social por meio do esporte.

“A gente fica feliz, não só por sido a maior delegação no evento, não só de ter dois atletas observados pelo seu nível técnico, mas, acima de tudo, por proporcionar um dia diferente, um dia feliz para crianças”, concluiu Élvio.

O projeto social

A atividade de cunho social, idealizada pelo sensei e cabo Élvio Marcelo Lisboa Santos, proporciona a prática gratuita do Judô as crianças em situação de vulnerabilidade social.

Fonte: Ascom PM/SE

  Editoria: