Associação diz que PM/SE “não acredita” em certidões

Associação diz que PM/SE “não acredita” em certidões
março 13 16:15 2019 Imprimir Conteúdo

 

Com vistas à obediência ao princípio constitucional da eficiência na Administração Pública, os tribunais pátrios tem facilitado a vida dos cidadãos brasileiros ao dispor de certidões de nada consta na esfera criminal disponibilizadas em seus sítios eletrônicos.

Porém, não se sabe por qual motivo, a Polícia Militar do Estado de Sergipe não vem acatando as certidões emitidas pela justiça do estado de Sergipe. Também não se sabe por qual motivo, as certidões eletrônicas emitidas pela Justiça Federal são aceitas normalmente.

Com vistas e dirimir a dúvida existente sobre o não acatamento das certidões negativas criminais emitidas eletronicamente pelo TJSE, a ASSOCIAÇÃO DOS MILITARES DO ESTADO DE SERGIPE oficiou a Corregedora Geral de Justiça para que a mesma delibere se tais certidões são válidas ou não e – caso realmente não sejam válidas – o que deverá ser feito para ser resolvido. A AMESE solicita ainda que a decisão seja publicada em Boletim Geral da corporação.

A solicitação da AMESE foi efetuada haja vista a verdadeira via crucis enfrentada pelo policial militar – a cada data de promoção – em direção aos cartórios judiciais estaduais.

“Nossa preocupação é com o bem estar do policial militar. Não entendemos ser justo, em plena era da informação, o servidor público estar de três em três meses em busca de um cartório quando o mesmo pode imprimir o documento em casa ou no trabalho. Além disso, os servidores do TJSE tem mais o que fazer do que estar emitindo documentos de caráter banal, mas que impedem a promoção do militar”, pontuou o presidente da AMESE, o sargento Jorge Vieira.

Fonte Amese

  Editoria: