Aracaju sediará Seminário Internacional Paralímpico Escolar

Aracaju sediará Seminário Internacional Paralímpico Escolar
julho 18 05:09 2019 Imprimir Conteúdo

O evento conta com o apoio do Governo de Sergipe, por meio da Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc)

Aracaju receberá, entre os dias 18 e 20 de julho, a segunda edição do Seminário Internacional Paralímpico. O evento será realizado no auditório da Unit, campus Farolândia, e contará com a participação de ilustres palestrantes, especialistas sobre o esporte e atividades paralímpicas.

Promovido pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) e Academia Paralímpica Brasileira (APB), o evento conta com o apoio do Governo de Sergipe, por meio da Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc). O evento contará com a participação de membros da CPB, APB e do Instituto Português do Desporto e Juventude.

O Seminário Internacional Paralímpico Escolar tem como objetivo, divulgar e implementar as atividades paradesportivas no meio esportivo, proporcionando atividades facilitadoras de inclusão, por meio do esporte paraolímpico, na escola, por intermédio de metodologia de iniciação, conceitos e terminologias, relativos às pessoas com deficiência.

O público-alvo são os profissionais e alunos de Educação Física, Fisioterapeutas, Nutricionistas, Psicólogos, Terapeutas Ocupacionais, profissionais de áreas afins e estagiários, que atuam nos diversos níveis do sistema regular de ensino e instituições, como também na iniciação da prática paradesportiva.

Programação

A solenidade de abertura será presidida por Mizael Conrado, presidente do CPB, e está prevista para as 15h desta quinta-feira, (18), no auditório da Unit.

Para o presidente Mizael, o evento deve alcançar os objetivos para os quais foi planejado. “Não há prosperidade sem conhecimento. O Comitê Paralímpico Brasileiro acredita nesta máxima e volta cada vez mais investimentos e esforços para iniciativas como o Seminário Internacional Paralímpico Escolar.

Acreditamos no potencial inclusivo, que a capacitação pode dar a profissionais de Educação Física e áreas afins. E é por este motivo, que temos enorme satisfação e orgulho em realizar a edição 2019 deste evento em Aracaju. A realização deste seminário faz parte da nossa batalha diária. Mais do que isso, esperamos que os participantes juntem-se a nós, por uma sociedade mais justa e inclusiva”, disse Mizael Conrado.

Incentivadora do Seminário Internacional Paralímpico, a Superintendente Especial de Esporte, Mariana Dantas, acredita no sucesso do evento, porque um dos maiores objetivos do Seminário é capacitar os profissionais de Educação Física para lidar com pessoas com deficiência.

“O Seminário tem uma relevância muito grande e chega em um bom momento, para capacitar os profissionais de Educação Física, para lidar com pessoas com deficiência. O Governo do Estado entrou nessa parceria com o CPB, colocando nossos professores da rede pública estadual, para que eles façam essa capacitação e estejam aptos a lidar com crianças, atletas e alunos, portadores de deficiência”, afirma Mariana Dantas.

A programação oficial começa no dia 18 de julho, quinta-feira, às 15h, com abertura oficial, e segue às 15h30 com a palestra que terá como tema “Atividades Facilitadoras de Inclusão por Meio do Esporte Paralímpico na Escola”. O palestrante será o Professor Jorge de Carvalho, do Instituto Português do Desporto e Juventude – (IPDJ) e terá como mediador o Professor Ivaldo Brandão Vieira.

Ainda na quinta-feira, às 18h, acontecerá a palestra do Dr. Hésojy Gley Pereira Vital da Silva (CPB) sobre o tema “Aspectos Médicos do Esporte Paralímpico”. O mediador será o Professor Décio Calegari (UEM).

O Seminário prossegue na sexta-feira dia 19, às 8h30, com Mesa Redonda “Conceitos e Terminologias Relativos às Pessoas com Deficiência a Serem Utilizados Pela Mídia”. Presenças dos professores, Eliana Accioly, Nubia Josania Paes de Lira, tendo Décio Calegari como mediador.

Ainda na sexta-feira, a realização de minicursos sobre Avaliação e Testes Neuromotores, Atletismo Pista e Campo, Natação, Tênis em Cadeira de Rodas, Vôlei Sentado, Recreação Adaptada, Atividades para Deficientes Visuais, Futebol de 5, Goalball e Judô, Atividades para Deficientes Intelectuais, Parabadminton, Tênis de Mesa e Basquete 3×3.

Sábado a programação segue com o dia inteiro de palestras, minicursos, mesas redondas e debates. O encerramento está previsto para as 17h30, com os professores Ivaldo Brandão Vieira e José Fernandes Filho.

Foto Maria Odilia

  Editoria: