Após denúncia falsa, Fábio Henrique preta queixa em delegacia

Após denúncia falsa, Fábio Henrique preta queixa em delegacia
julho 27 16:05 2018 Imprimir Conteúdo

O ex-prefeito de Nossa Senhora do Socorro e pré-candidato a deputado federal, Fábio Henrique (PDT), esteve no final da manhã desta sexta-feira (27) na Delegacia de Combate aos Crimes Cibernéticos, “Fake News” onde prestou queixa contra um morador daquele município que usou as redes sociais para informar que a Polícia Federal esteve na manhã de hoje em seu apartamento e que “houve prisões”.

Após sair da delegacia, Fábio gravou um áudio explicando que prestou queixa contra a pessoa e que seria ligado ao prefeito padre Inaldo. “Hoje é 27 de julho e estamos saindo agora da delegacia de crime cibernético, onde prestamos BO, com todos os prints que foram feitos da fake news que de forma maldosa foram publicada na manhã desta sexta-feira, por uma que é ligada ao prefeito de Nossa Senhora do Socorro”, contou Fábio.

Nos grupos de WhatsApp, o fake news denunciado por Fábio, postou em vários grupos a seguinte informação: “apartamento de Fábio Henrique na Sementeira acaba de receber a visita da polícia federal. Problemas com licitação. Vish, a coisa é feia”, ironizou o fake e descarregou: “Fábio foi prefeito de Socorro e temos notícias que houve prisões”, afirmou em sua postagem Marcos Nabuco, funcionário da SMTT de Socorro, aliado do prefeito. Ele postou a Fake News com o telefone dele, segundo o BO prestado por Fábio.

Fábio diz  ainda em seu áudio que “nós lamentamos profundamente essa atuação política são noticias que prejudicam a mim como cidadão e minha família e que tem um único objetivo, que é prejudicar a nossa pré-candidatura”, afirmou o ex-prefeito.

Ao final, Fábio Henrique deixou um recado claro para aqueles que compartilham noticias fake: “todo e qualquer noticias falsas como essas que foram divulgadas hoje pela manhã vai ser denunciadas  à polícia. Eu quero chamar a sua atenção. Não compartilhe, não encaminhe, não de divulgação a noticia falsa porque você também vai responder por crime”, avisou Fábio Henrique.

A um amigo, Fábio desabafou e disse que “fui acordado com o telefone da minha mãe, chorando desesperada com essa notícia, esses caras são irresponsáveis. Ele divulgou também que era inelegível por causa do TCU, outra mentira”, desabafou Fábio Henrique.

Munir Darrage

  Editoria: