Aliados amigos da onça

Aliados amigos da onça
abril 08 08:16 2022

Por Adiberto de Souza *

A campanha eleitoral ainda nem começou e já é possível enxergar alguns aliados políticos que se parecem mais com amigos da onça. Bom exemplo disso foi dado pelo governador Belivaldo Chagas (PSD): para elogiar a sua administração, ele afirmou ter recebido do antecessor Jackson Barreto (MDB) um governo cheio de buracos nas finanças e nas rodovias. O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PDT), foi outro que jogou areia no ventilador do aliado e pré-candidato Fábio Mitidieri (PSD). Segundo o gestor da capital, o time da situação errou feio ao escolher o peessedista como pré-candidato a governador. Danôsse! E o quê dizer do presidenciável Lula da Silva (PT), após ele ter orientado o povo a rejeitar os senadores que aprovaram o orçamento secreto? Lembra quem deu o voto de minerva nesta votação? Justamente o petista Rogério Carvalho, pré-candidato ao governo de Sergipe com o apoio do “Barba”. Quem tem amigos como estes, decididamente não precisa de inimigos. Misericórdia!

Tempo de ilusão

Os sergipanos vão começar a torcer pelos candidatos às eleições de outubro. A grande maioria do eleitorado nem conhece ainda os postulantes, porém isso não será problema, pois a propaganda eleitoral vai apresentá-los como verdadeiros santinhos, recheados de propostas para resolver todos os problemas de Sergipe. E os eleitores vão acreditar nas promessas, brigar pelos candidatos e votar, na esperança de ver o estado se transformar num paraíso aqui na terra. Depois do pleito, o povo percebe ter sido enganado outra vez e voltará a prometer se vingar dos demagogos e corruptos nas ainda distantes eleições de 2026. Crendeuspai!

Contra a fome

As centrais sindicais realizam amanhã, em todo o país, um ato de protesto contra a fome, o desemprego e a carestia dos alimentos, do gás de cozinha e dos combustíveis. Os manifestantes também vão tratar sobre as denúncias de corrupção no governo de Jair Bolsonaro, especialmente os últimos casos suspeitos ocorridos nos Ministérios da Saúde e da Educação. Em Aracaju, o ato de protesto está programado para às 8 horas da matina, na praça dos marcados centrais de Aracaju. Participe!

Janela aberta

Ao contrário do que muita gente pensa, a Janela Partidária continua escancarada. Portanto, quem não pulou a cerca, com jeitinho ainda pode fazê-lo. É que os partidos têm até o próximo dia 18 para enviar à Justiça Eleitoral a lista atualizada de filiados. Ressalte-se, porém, que os pré-candidatos às eleições deste ano devem ter tido a filiação deferida pela nova legenda até o último dia 2. Ora, nesse Brasil da malandragem, nada impede o sujeito de conseguir trocar a data para legalizar a nova filiação. Alguém duvida? Só Jesus na causa!

Violência mapeada

Exatos 27% das mulheres nordestinas, com idade entre 15 e 49 anos, já foram vítimas da violência doméstica. É que o revela a pesquisa sobre a Violência Doméstica contra a Mulher. Segundo o estudo, entre as entrevistadas brancas com nível de educação superior, o percentual de vítimas é 10 vezes menor do que entre as pretas sem qualquer instrução. No Nordeste, 88% das mulheres souberam que suas mães foram agredidas. E quatro em cada 10 também se tornaram vítimas dessa mesma violência. Cruz credo!

Cassado, mas nem tanto

Mesmo tendo sido cassado em última instância da Justiça Eleitoral por compra de votos nas eleições de 2018, Valdevan Noventa (PL) continua usufruindo das mordomias do mandato de deputado federal. E para provar que segue no bem bom da vida parlamentar, o distinto divulgou nas redes sociais a sua participação no jantar da nova bancada do Partido Liberal, composta por 78 deputados federais e sete senadores. Na foto, Valdevan, o presidente Jair Bolsonaro (PL) e o ex-ministro da Infraestrutura Tarcísio de Freitas (Republicanos). Êita Brasilzão sem jeito!

Pediu o boné

O presidente do União Brasil em Sergipe, André Moura, deixou a Secretaria de Representação do Rio de Janeiro em Brasília. A informação foi publicada pela jornalista Berenice Seara no jornal Extra. Segundo a coleguinha, o fidalgo entregou o cargo “para se dedicar à sua candidatura ao Senado por Sergipe”. Prestigiado pelo governo fluminense, André conseguiu emplacar a substituta, que vem a ser a advogada sergipana Luanna Santos Cariri. Segundo ainda Berenice Seara, entre outubro de 2016 e abril de 2017, a nova secretária atuou como advogada júnior num escritório que tinha Moura como um de seus principais clientes. Ah, bom!

Notícia de presente

O governador Belivaldo Chagas (PSD) festejou a notícia dando conta que os sergipanos têm hoje o menor índice de inadimplência da história. Segundo o gestor sergipano, essa informação, divulgada ontem, chegou como um presente, pois foi publicada justamente no dia em que ele completou quatro anos à frente do governo. Belivaldo assumiu efetivamente a administração estadual no dia 7 de abril de 2018, devido a renúncia de Jackson Barreto (MDB) para se candidatar ao Senado. Aff Maria!

Tiro no pé

Quem vai às ruas ou rodovias protestar contra a retirada de seus direitos não sabe o tamanho de prejuízo que causa ao queimar pneus e outros objetos na via pública. O fogo destrói o asfalto, recuperado depois com dinheiro dos impostos pagos pelos próprios manifestantes. Ademais, atear fogo intencionalmente em ruas, avenidas e rodovias transforma a manifestação em “crime de dano qualificado pelo uso de substância inflamável e contra o patrimônio público”. Pense nisso antes de riscar o fósforo. Marminino!

Mala preta

A compra e venda de votos ainda é uma realidade no Brasil. Pesquisa mostra que 28% dos entrevistados revelaram ter conhecimento ou testemunhado essa prática ilegal. A consulta apurou ser pequena a percepção do eleitor de que a compra de votos é um crime. O resultado da pesquisa permite afirmar que a famosa mala preta seguirá elegendo corruptos e fazendo a festa dos eleitores menos esclarecidos. E estes mesmos suplicantes que vendem os votos vivem falando mal dos políticos corruptos. Desconjuro!

Nome social

Termina no próximo dia 4, o prazo para quem deseja incluir nome social no título de eleitor. A data consta da Lei das Eleições, que prevê o fechamento do Cadastro Eleitoral 150 dias antes de cada pleito. Pessoas transgênero, transexuais e travestis têm o direito de, na hora de votar, se identificarem da forma como se reconhecem e são reconhecidas ou reconhecidos na sociedade. O procedimento é simples, rápido e pode ser feito pela internet. Para fazer a inclusão do nome social, basta acessar o Título Net, preencher o requerimento e enviar para a zona eleitoral respectiva. Então, tá!

Filosofia de Britto

Do sergipano Carlos Ayres de Britto, ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal: “A grosseria sabe em quem se hospedar, como sabe que seu hospedeiro ficará tanto menor quanto maior ela for”. Home vôte!

Recorte de jornal

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Publicado no jornal Tribuna de Aracaju, em 20 de julho de 1931.

É editor do Portal Destaquenotícias

  Editoria: